27/07/2016 - 13:31

Oscar Niemeyer Netto: novo ajudante de garçom

Oscar Niemeyer Netto: novo ajudante de garçom do Bar Lagoa (na verdade, essa profissão chama-se cumim) -  "Surgir outro Oscar Niemeyer no mundo é difícil"

Oscar Niemeyer Netto: novo ajudante de garçom do Bar Lagoa (na verdade, essa profissão chama-se cumim) – “Surgir outro Oscar Niemeyer no mundo é difícil”

É esse aí o novo ajudante de garçom do Bar Lagoa: Oscar Niemeyer Netto. Não importaria a função, digamos assim, do garoto, de 21 anos, bisneto (apesar do Netto no nome) do maior arquiteto deste país em todos os tempos, um dos nomes brasileiros mais conhecidos no exterior, que precisou parar a faculdade de Economia (no IBMEC) para se bancar, ou seja, para sobreviver.

Criado com folga, tendo tudo na infância e adolescência, poderia ser um desses babaquinhas com que nos deparamos todos os dias por aí. Longe disso! É educado, gentil e, segundo os outros garçons, com humildade para aprender e começar. “Sou assim mais pela minha criação e pela minha forma de pensar mesmo. Estou gostando bastante do trabalho, mas pretendo voltar à faculdade assim que der”, diz Oscar. Perguntado se muitos clientes não demonstram surpresa ao ler a plaquinha com o nome Oscar Niemeyer grafado, ele diz: “Me paparicam um pouco, alguns ficam surpresos e perguntam por que não vou estudar Arquitetura; daí respondo que não escolhi essa profissão, pra evitar comparações. Se eu fosse igual ou pior que o meu bisavô, iriam pegar no meu pé. E surgir outro Oscar Niemeyer no mundo é difícil”. Niemeyer Netto ainda não sabe quanto deve ganhar por mês; começou recentemente.

A família demonstra ser uma gente que parece destemida com qualquer tipo de trabalho: seu pai, Kadu Niemeyer, fotógrafo conhecido, virou taxista, à época, publicado aqui na coluna. Durante as Olimpíadas, vai fazer tour pelo Rio, mostrando os trabalhos do avô.

Enviado por: Lu Lacerda
27/07/2016 - 12:46

‘E aí, comeu?’: dos cinemas para a TV

Foto de:

Depois do sucesso de bilheteria em 2012, com mais de dois milhões e meio de espectadores nos cinemas, o filme “E aí, comeu?”, vira série e teve lançamento com quase todo o elenco para uma sessão com três episódios do seriado, nessa terça-feira (26/07), no cinema Kinoplex do Shopping Leblon. Os atores Bruno Mazzeo, Marcos Palmeira, Emilio Orciollo Neto e Augusto Casé, da Casé Filmes, fizeram a apresentação da série, que, pelas altas gargalhadas da plateia, vai ser um sucesso total. A estreia é dia 22 de agosto, pelo Multishow. Veja fotos na Galeria.

Enviado por: Redação
27/07/2016 - 12:02

Em forma de anel: artista homenageia os Jogos Olímpicos

Adriano Mangiavacchi entre Eliana e Chico Caruso

exposição 1

No alto, Eliana Caruso, Adriano Mangiavacchi e Paulo Caruso; no centro, à esquerda, Vânia Castro Lopes e Luiz Aquila; ao lado, Regina Pinto e Patrícia Costa; acima,  John Nicholson, Fátima Alegria e Leo Lodi / Fotos: Marco Rodrigues

No alto, Eliana Caruso, Adriano Mangiavacchi e Paulo Caruso; no centro, à esquerda, Vânia Castro Lopes e Luiz Aquila; ao lado, Regina Pinto e Patrícia Costa; acima, John Nicholson, Fátima Alegria e Leo Lodi / Fotos: Marco Rodrigues

A galerista Patricia Costa abriu, nessa terça-feira (26/07), no shopping Cassino Atlântico, a exposição “Anéis no Rio”, do italiano Adriano Mangiavacchi.  O artista, que desde 2005 vem fazendo pesquisa sobre formas anelares, tomou por inspiração e referência o símbolo dos Jogos Olímpicos, que aparecem com força total em 12 pinturas. O artista está comemorando 35 anos de carreira.

Enviado por: Marcia Bahia
27/07/2016 - 11:14

Príncipes vêm abrir Casa da Dinamarca nas areias de Ipanema

denmark

No alto, os príncipes Frederik e Mary, da Dinamarca; acima, o pavilhão da Dinamarca, no posto 10, em Ipanema / Fotos: reprodução da internet e divulgação

No alto, os príncipes Frederik e Mary, da Dinamarca; acima, o pavilhão da Dinamarca, no posto 10, em Ipanema / Fotos: reprodução da internet e divulgação

O príncipe herdeiro da Dinamarca, Frederick, filho mais velho da rainha Margrethe II, vai abrir com sua mulher, a princesa Mary, o Pavilhão da Dinamarca na Olimpíada, que vai ficar no Posto 10, nas areias da Praia de Ipanema. O evento de inauguração da tenda de 300m², chamada de “Coração da Dinamarca”, vai ser terça-feira (02/08), às 11h.

O Coração vai funcionar com entrada gratuita das 11h às 22h diariamente, com várias atrações, entre elas uma exposição sobre a bicicleta, meio de transporte mais popular do país. Na programação, também sessões de ioga, oficinas de música para crianças e DJs e bandas dinamarquesas tocando ao pôr do sol.

Frederick é formado em Ciências Políticas e conheceu a mulher num bar da Austrália, durante as Olimpíadas de 2000, em Sidney. O casal tem quatro filhos.

Enviado por: Marcia Bahia
26/07/2016 - 19:00

Em casa, por Marcia e Manu Müller: árvores em casa

arvore 1

Se você escutar as árvores com cuidado, elas querem estar perto, sendo cuidadas, e de uma casa para viver …
O paisagismo deixou de ser algo para grandes áreas externas. Através dos tempos e do crescimento dos centros urbanos, as árvores passaram a conviver conosco, lado a lado, disputando de forma desleal e injusta seu espaço. Estarmos todos confortáveis, e essa é uma função do arquiteto. Esse profissional, mais que qualquer outro, sabe que a convivência do verde é fundamental em qualquer espaço. E que o crescimento desordenado das cidades mais a especulação imobiliária transformaram as cidades em espaços áridos e com pouco verde .

arvore 2

Precisa-se de espaços públicos verdes de convivência; esse recurso é fundamental para a troca nas cidades. Troca entre nós e a natureza não é impossível só porque moramos em uma grande cidade… Justamente por isso, nesse cenário, a convivência entre homem e natureza deve ser confortável e orgânica.
Se não podemos pensar em grandes escalas, podemos pensar em pequenas … Se não é possível construir uma casa na árvore, uma árvore pode estar dentro de casa. Torres verticais em prédios, por exemplo, são soluções lindas que suavizam o cenário das cidades.

arvore 4

Conectar pessoas à natureza traz um incrível bem-estar aos habitantes de uma cidade. A bioarquitetura busca, através do suporte tecnológico, essa aproximação do ambiente natureza com a sustentabilidade.

Nós, arquitetos, devemos abraçar essa causa, aproximando o máximo possível a natureza, criando projetos mais orgânicos, casas que possam abrigar a natureza, existindo de forma natural com o nosso entorno. Devemos, sempre que possível, aproveitar a chance de poder construir em pequena escala, nas casas urbanas, espaços dedicados ao verde.

Mostramos casas onde isso é o grande diferencial!

tarjamarciamuller

Enviado por: Redação
26/07/2016 - 17:56

Marie Mercier: segunda exposição no Rio a caminho

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Marie Mercier: a exposição Olympic Colors, no Riso Bistrô, em Ipanema, vai até outubro / Foto: divulgação

Marie Mercier, carioca que deixou o Rio há dez anos, volta para abrir sua segunda exposição na cidade carioca, dia 9 de agosto, no Riso Bistrô. Morando em Londres, Marie abandonou uma carreira de executiva na Bloomberg New Energy Finance para se dedicar totalmente às artes. Ela gosta de pensar nas suas pinturas como uma “terapia da felicidade” para as paredes de seus clientes. Nesta exposição, chamada de “Olympic Colors”, é visível sua paixão pelo Brasil nas cores intensas e traços dançantes – nisso ela é igual à mãe, Marie Annick Mercier, francesa das mais queridas no Rio.

Enviado por: Marcia Bahia
26/07/2016 - 17:00

Marcelo Marins: artista plástico abre mostra no Club House

 Marcelo Marins e um de seus trabalhos /Foto: Candé Salles

Marcelo Marins e um de seus trabalhos /Foto: Candé Salles

A primeira exposição “Sinto, logo penso”, de Marcelo Marins, só foi mostrada em São Paulo, no ano passado, o que deixou o artista desconfortável, com vontade de apresentá-la também no Rio, onde vive com a mulher, a atriz Carolina Ferraz, e a filha, Isabel. Em recente passagem pelo Club House, em Ipanema, Candé Salles convidou o artista para expor ali. A inauguração vai ser nesta quinta-feira (28/06), acrescida de novos trabalhos criados nesse intervalo. O Club House tem mais vida noturna, mas estará aberta também durante o dia.

Enviado por: Lu Lacerda
26/07/2016 - 16:07

Zanini interpreta a ‘insônia’ de Costanza Pascolato

Costanza Pascollato, inspiração da exposição de decoração, e o designer Zanini de Zanine / Fotos: divulgação e Ari Kaye (acervo do site Lu Lacerda)

Costanza Pascollato, inspiração de exposição de decoração, e o designer Zanini de Zanine / Fotos: divulgação e Ari Kaye (acervo do site Lu Lacerda)

Conhecido como designer de mobiliário, Zanini de Zanine está assinando, pela primeira vez, a decoração de um ambiente, na mostra “Modernos Eternos”, que abre dia 11 de agosto no Shopping Cidade Jardim, em São Paulo. O evento, de Maria di Pace e Sergio Zobaran, é todo inspirado em Costanza Pascolato, uma das maiores autoridades em moda no  país.

Zanini usou móveis e objetos de arte vintage e contemporâneos para retratar um quarto de “insônia criativa”. O relógio vai marcar 3h33 da manhã. “Eu mesmo criei por diversas vezes nesses no silêncio da madrugada”, conta o designer, que fez uma interpretação totalmente pessoal do que imagina ser a criatividade de Costanza. “Não sei nem se ela costuma ter insônia”, admite. A mostra, com 18 ambientes, fica em cartaz por apenas quatro dias, até 14 de agosto.

Enviado por: Marcia Bahia
26/07/2016 - 15:30

Bruno Astuto: aniversário e homenagem a embaixador tailandês

col

O embaixador da Tailândia, Pitchayaphant Charnbhumidol e o jornalista Bruno Astuto /Fotos: Divulgação e Cleiby Trevisan

O jornalista Bruno Astuto, que faz aniversário esta semana, vai comemorar ao lado do embaixador da Tailândia, Pitchayaphant Charnbhumidol, com 65 convidados, na próxima segunda-feira (01/08), com almoço no Mee, o restaurante pan-asiático do Copacabana Palace. Vai celebrar ainda a culinária e a cultura tailandesas – o chef do Mee, Kazuo Harada, vai cozinhar em parceria com dois dos maiores professores das faculdades de culinária de Phitsanulok e de Chiang Mai, os chefs Jatuporn Onporm e Phadungpong Srikham – o primeiro, medalhista de ouro na Olimpíada de Gastronomia da Alemanha.

“Eu amo a Tailândia. Se me soltarem em Bangcoc e Pukhet, periga de eu não achar o caminho de volta. Posso viver só de mussamam, que é um dos pratos típicos do país”, brinca Bruno. A relação do colunista com o país começou em Paris! “Uma das mulheres mais bem vestidas e elegantes do mundo, que eu tive o prazer de conhecer nas semanas de moda, é a princesa e estilista Sirivannavari Nariratana, neta de Sua Majestade, o rei Bhumibol, que, aliás, completou 70 anos de reinado em junho, portanto mais tempo que a rainha Elizabeth II da Inglaterra. A rainha Sirikit é um dos meus ídolos, uma grande dama, uma mecenas das artes e da moda”, comenta.

Enviado por: Lu Lacerda
26/07/2016 - 14:14

Antonio Callado no metrô: abre exposição sobre o livro ‘Quarup’

Quarup

No alto, Tessy Callado e seu filho, João Callado; à direita, Fernando Bicudo e Cristina Oldemburg; acima, Tessy e Ana Arruda Callado / Fotos: Marcos Rodrigues

No alto, Tessy Callado e seu filho, João Callado; à direita, Fernando Bicudo e Cristina Oldemburg; acima, Tessy e Ana Arruda Callado / Fotos: Marcos Rodrigues

Com a presença da família do escritor – Tessy Callado, a filha; Ana Arruda Callado, a viúva, e João Callado, neto – foi aberta, nesta terça-feira (26/07) pela manhã, a exposição na estação Central do Metrô sobre o livro “Quarup”,  escrito por Antonio Callado em 1967. Fernando Bicudo também estava lá: ele participou do filme “Kuarup”, rodado por Ruy Guerra em 1989, e indicado à Palma de Ouro de Cannes.

Enviado por: Marcia Bahia
26/07/2016 - 13:36

Skype no divã: psicanalistas cariocas debatem o uso

Psicanálise à distância: cariocas estão substituindo a ida a consultórios pelo uso do Skype / Foto: reprodução da internet

Psicanálise à distância: cariocas estão substituindo a ida a consultórios pelo uso do Skype / Foto: reprodução da internet

Mais e mais psicanalistas estão fazendo atendimento usando o Skype no Rio. O aumento é tanto que a Reunião Científica da Sociedade de Psicanálise do Rio de Janeiro, esta quinta-feira (28/07), vai ser sobre o assunto. São muitos os pros e os contras sobre a utilização do programa. Para Wania Cidade, diretora do Departamento Científico da SBPRJ, a presença física do paciente seria imprescindível: “Se isto está mudando, precisamos nos deter para conversar sobre estas mudanças e pensar como se dá a nova prática, e sobre a necessidade, ou não, de que parte desta análise seja presencial”, diz.

Os que defendem o novo atendimento citam algumas vantagens: pacientes que viajam muito não perderiam a sequência do trabalho terapêutico; pessoas que vão morar em outro lugar podem continuar com o mesmo psicanalista; o contato fica mais cômodo e tem menor custo, sem a necessidade de deslocamento até o consultório; é uma solução para pessoas que não podem se deslocar temporária ou definitivamente.

No exterior, a questão também gera controvérsias – tem psicanalista que compara o Skype a uma ilusão, como uma aventura num parque temático da Disney, onde ninguém sai dali acreditando que realmente viveu uma situação real e perigosa. Outros dizem que só deve ser usado em emergências. O debate é aberto ao público e acontece a partir das 21h15, na sede da SBPRJ, no Humaitá. Mais informações nos telefones 2537-1333 e 2537-1115.

Enviado por: Marcia Bahia
26/07/2016 - 13:00

Kakay deixa creches do Vidigal cheias de esperança

8d135d9d-7f97-4c58-aa15-6c95a85518d4

62a13f12-deac-491b-bb7d-71f24a51f284

No alto, Kakay cantando com a Banda Balaio; nesta, o advogado ao lado da mulher Valéria Vieira com grupo de amigos /Fotos: amigo da coluna

Quando os moradores do Vidigal viram subir esse grupo da foto, não sabiam que entre eles estava um dos advogados mais falados e poderosos do Brasil, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que defendeu o banqueiro André Esteves, por exemplo, então presidente e diretor-executivo do banco de investimentos BTG Pactual, preso em novembro passado, acusado de interferência na delação premiada de Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras, na operação Lava-Jato. Kakay sambou, bebeu, conversou e cantou com a Banda Balaio (veja na imagem). O coração dos organizadores da feijoada beneficente, Priscila e Jorge Araújo, em favor das creches Santa Clara e Santo Amaro, ficou cheio de esperança – achando que as creches tirariam o pé da lama (falando de uma maneira direta). Por enquanto, ficou nisso, mas… quem sabe? Nada impede que o Kakay ainda se manifeste. É ou não é?

Enviado por: Lu Lacerda
26/07/2016 - 12:00

Aguinaldo Silva lança livro com meia TV Globo na fila

Foto de:

Você, certamente, já viu a Livraria da Travessa cheia, mas dificilmente tão lotada como na noite de lançamento do livro de Aguinaldo Silva, “Turno da noite – memórias de um ex-repórter de polícia” (Editora Objetiva), nessa segunda-feira (25/07). O novelista, que tem entre os amigos muitos artistas, por razões óbvias, levou meia TV Globo à longa fila. Na publicação, histórias sobre crime e violência policial, na época em que atuava nessa área. Como não é louco, mudou-se para o entretenimento. Veja fotos na Galeria.

Enviado por: Lu Lacerda
26/07/2016 - 11:09

Psicanalista faz exposição de fotos antigas: desconhecidos estão no foco

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Uma das imagens da exposição: família posando elegante na Cascatinha, na Floresta da Tijuca / Foto: divulgação

O psicanalista, fotógrafo e cineasta José Inácio Parente abre, nesta terça-feira (26/07), às 18h,na Galeria do BNDES, no Centro, a exposição “Retratos da família brasileira”, com 800 fotos feitas entre 1850 a 1960, uma pequena parte do seu arquivo de mais de 10 mil imagens. Não são poucos os colecionadores, no Rio, de fotos desse tipo: um vendedor da feira da Praça XV, por exemplo, tem uma rede de “informantes”, porteiros de prédios de Copacabana que avisam quando algum morador idoso morre, já que os álbuns de família costumam ser mandados logo para o lixo. Esse mesmo vendedor também contrata catadores para procurar fotos e álbuns nos lixões da cidade.

Essas imagens costumam ser vendidas a preços baixos, em torno de R$ 10. No caso de um daguerreótipo ou ferrótipo (técnicas anteriores ao negativo), os preços podem ultrapassar os R$ 500. Parente começou sua coleção depois que lançou o livro “Pai presente”, com registros atuais de pais e filhos. Depois disso, resolveu estender sua procura a décadas anteriores e, então, ampliou seu foco para famílias inteiras – o importante, para ele, é mostrar pessoas anônimas, clicadas por fotógrafos também desconhecidos.

Enviado por: Marcia Bahia
25/07/2016 - 20:03

Alta Ajuda, por Anna Sharp: espelhos

mirror

Não estamos no mundo. O mundo que percebemos está dentro de cada um de nós como efeito das ideias que temos em nossa mente.

A crença, a memória e a interpretação pessoal é que definem o que vemos.

É imprescindível uma infinidade de espelhos para que possamos nos enxergar.

É o nosso reflexo no outro que nos ajuda a descobrir quem somos, pois o ser humano apenas reconhece no outro aquilo que já conhece em si mesmo.

O simples gesto que fazemos ao acusar alguém, apontando o indicador para o outro e mantendo três dedos voltados para nós mesmos, já diz tudo: cada aspecto que chama nossa atenção ou nos incomoda no outro, assim como tudo o que admiramos ou invejamos no outro, também existe em nosso interior.

O que estamos vendo é apenas a projeção do que somos, gostemos ou não. Eu “me vejo” no outro, no mundo, no todo…

Ao falar do outro, estamos nos revelando! Cuidado…!

tarja.annasharp

Enviado por: Redação