23/07/2014 - 19:30

Paris, por Paulo Pereira

Começou no último sábado (19/07) e vai até o dia 17 de agosto a 13ª edição da “Paris Plage”, um evento popular na beira do rio Sena, que atrai mais de três milhões de pessoas por edição. Num quilômetro de areia branca se concentram todos os clássicos de uma manifestação estival, com espreguiçadeiras, barracas, várias duchas de água fria, piscina para crianças e variada programação, musical e esportiva.

Como, a cada ano, o evento cresce em público e espaço, este ano a piscina de La Villette fará parte do evento, assim como o Museu do Louvre, que vai expor, numa galeria ao ar livre, 15 reproduções de obras da sua coleção permanente.

A Fermob, que festeja 125 anos, também toma parte com uma réplica de 13 metros de altura, feita com 324 cadeiras de bistrô, da Torre Eiffel, a princesinha da cidade.

O clima é mesmo de férias e de encontros de pessoas de vários lugares do mundo, o que torna interessante a iniciativa. É, também, uma solução para os parisienses que não tiram férias em agosto.

Bom banho!!!!

_

Uma obra que impressiona! O artista plástico francês JR foi convidado pelo Centre des Monuments Nationaux e criou uma obra participativa, que cobrirá a fachada do Panthéon, em Paris, durante o período da reforma.

JR se inspirou no seu projeto “Inside Out”, no qual ele fotografa pessoas e produz fotos gigantes, que são fixadas em vários lugares do mundo. Ele não só cobriu a fachada, como também o dome, a coupoule e o solo.

São fotos de 4.160 homens e mulheres, sorrindo, sérios ou fazendo careta. A foto gigante da fachada ficará exposta durante todo o período da reforma. As fotos no espaço interno poderão ser visitadas pelo público até 5 de outubro.

_

Um dos endereços secretos e mais charmosos de Paris é o Le 6 Mandel, uma residência antiga do lado do Trocadero que, por meio do seu novo proprietário, Jean-Christophe Stoerkel, virou um espaço de eventos, showroom, exposições e casamentos super privilegiado e atípico.

Um dos vários detalhes dessa maison, que chama a atenção, é a suíte super bem decorada para clientes que queiram desfrutar da vida parisiense como se estivessem fora da cidade. O jardim de 130m², com vista para a Torre Eiffel, foi todo redecorado e oferece um ótimo contraste entre urbanismo e vegetação.

Karl Lagerfeld escolheu o jardim para fazer o lançamento de sua colaboração com a Magnum. Ótimas exposições, cursos de cozinha, arte e jardinagem são propostos periodicamente aos interessados. Vale a pena conhecer e, quem sabe, seu próximo casamento não acontece em Paris?

Le 6 Mandel

Showroom/ Expositions et chambres d’hôtes

6 Avenue Georges Mandel, 75016 Paris

_


Ficou bacanérrimo o novo espaço da Chanel Relojoaria, na loja de departamentos Printemps do Louvre. O espaço, todo em contraste de preto e branco, com a decoração valorizando “L’Instant Chanel”, exibe os relógios J12-365 com bracelete triplo em couro, o J12 Blue Light e o novo J12 em cerâmica branca com os números em azul.


Tudo no clima do novo conceito criado para a campanha publicitária realizada por Patrick Demarchelier, que clicou os ícones da maison.

Quatro filmes em preto e branco são projetados em cinco telões, convidando o cliente a descobrir essa nova campanha, que mostra como a marca Chanel exprime sua visão do tempo e do instante preciso em que um relógio da grife dá ao tempo seu allure único.


_

O Pallais Galliera, museu da moda da cidade de Paris, apresenta, até o dia 2 de novembro, a exposição “Les Annés 50”, uma década que transformou a silhueta feminina do pós-guerra na moda francesa. Época áurea da alta costura e o início do prêt-à-porter.

O diretor do museu e comissário da exposição, Olivier Sailard, escolheu 100 looks e acessórios do acervo do museu para mostrar ao público um dos momentos mais importantes da moda mundial, criando uma viagem inusitada ao universo maravilhoso desses grandes nomes que marcaram seu tempo com glamour, talento, extremo bom gosto, genialidade e visão, como Balenciaga, Schiaparelli, Jacques Heim, Chanel, Jacques Fath, Christian Dior, Pierre Balmain, Hubert de Givenchy e Pierre Cardin, dentre outros.


Um dos momentos fortes desse período foi em 1947, quando Christian Dior balançou todas as estruturas criando o “New Look”, deixando de lado a silhueta de mulher soldado e criando uma silhueta glamourosa, colocando em destaque a mulher feminina. Carmel Snow, a papisa da moda na época, era redatora-chefe da “Harper’s Bazaar” e foi quem deu o nome ao estilo de “New Look”. Ela chamou Dior de gênio, ao contrário da maior parte da imprensa, que precisou de tempo para entender a novidade.

Outro momento interessante dos anos 50 foi causado por Mademoiselle Chanel, que criou em 1954 o famoso tailleur Chanel. E outro momento histórico, o nascimento de outro gênio, monsieur Yves Saint-Laurent.

Imperdível!

_

E, falando nos anos 50, a maison francesa Louis Vuitton lança um livro fashion, com fotos de moda, campanhas e editoriais de 1950 até os dias de hoje. “Louis Vuitton Fashion Photography” tem curadoria da expert em fotografias Charlotte Cotton e sairá, em edição limitada, pela editora Rizzoli.

São 200 imagens que contam um pouco da história da maison. Grandes nomes da fotografia contemporânea como Mert Alas e Marcus Piggott, Henry Clarke, Patrick Demarchelier, Annie Leibovitz, Peter Lindbergh, Craig McDean, Steven Meisel, Helmut Newton, Juergen Teller, Mario Testino, Inez van Lamsweerde e Vinoodh Matadin estão presentes na edição.


O livro terá três capas com fotos de Craig McDean, Bert Stern e Patrick Demarchelier e estará à venda em algumas lojas da marca, a partir do dia 1º de outubro, a 100 euros. Uma versão para livrarias também foi programada e custará 85 euros.

Bacanérrimo!

Mais um pra coleção!

_

P.S: Paulo Pereira vai tirar merecidas férias. Esta coluna estará de volta dia 20 de agosto. Au revoir!


Enviado por: Redação
23/07/2014 - 19:00

Ariano Suassuna: sócio de um clube bem fechado

Ariano Suassuna: o escritor morreu no Hospital Real Português, em Recife, nesta quarta-feira, aos 87 anos

Fase de grandes perdas – em menos de uma semana, morreram João Ubaldo Ribeiro, Rubem Alves e, na tarde desta quarta-feira, Ariano Suassuna, aos 87 anos, no Hospital Real Português, em Recife (o escritor paraibano vivia em Pernambuco desde 1942). Suassuna estava internado desde essa segunda-feira, quando sofreu um acidente vascular cerebral hemorrágico.

Esse paraibano, apaixonado pela literatura, pela cultura brasileira e pela mulher, Zélia (com quem vivia há 57 anos), leva consigo a simplicidade, a originalidade, a autenticidade, e deixa muito para o Brasil. Quem já assistiu a uma das suas aulas-espetáculo, como a que deu na última sexta-feira em Garanhuns, jamais vai esquecer, tanto quanto o “Auto da Compadecida”, “A pedra do reino” e outros tantos trabalhos.

O sertanejo, formado em Direito, e membro da Academia Brasileira de Letras (que não costumava frequentar), disse em 2002, ao ser enredo da Escola de Samba Império Serrano, que não podia querer homenagem maior do que aquela.

O presidente da Academia, Geraldo Holanda Cavalcanti, e Evanildo Bechara, vão representar a ABL no enterro – o local ainda não foi definido. Para Geraldo, Ariano “reunia em sua pessoa as extraordinárias qualidades de homem de letras e de intelectual no melhor sentido da palavra – alguém que, dispondo de uma cultura invulgar, era, ao mesmo tempo, um homem de ação. À sua maneira, ocupava-se e preocupava-se com os problemas sociais”.

Suassuna teve os filhos Joaquim, Maria, Manoel, Isabel, Mariana e Ana, e deixa 15 netos. Ariano era sócio de um clube bem fechado e de poucos membros: o dos homens que falam o que pensam.

Enviado por: Lu Lacerda
23/07/2014 - 18:14

Casuarina e Baby lotam shows em Nova York

Cartazes de divulgação do Casuarina e de Baby do Brasil no Brasil Summer Fest deste ano, em Nova York

Os rapazes do Casuarina, grupo de samba que começou na Lapa, se apresentam nesta quarta-feira (23/07), no Joe’s Pub, em Nova York, com lotação esgotada desde o último sábado (19/07). O primeiro show dos sambistas em NY, no Lincoln Center, dia 11, também estava cheíssimo. A apresentação desta quarta faz parte do Brasil Summer Fest, festival criado por Petrit Pula e Béco Dranoff, há quatro anos, para divulgar a diversidade da música brasileira e novos artistas nos EUA.

Quem também participou desse festival foi Baby do Brasil, no Southstreet Seaport, domingo (20/7) e no Blue Note, segunda-feira (21/07), com Sônia Braga na plateia. Baby ficou tão empolgada com seus shows que está pensando em investir mais no público americano.

A cantora teve como diretor musical Skoota Waner, baterista que acompanha há 15 anos Cindy Lauper e tocou com Santana, The B-52’s, Lionel Richie e Mary J. Blige. O curioso é que Baby conhece Skoota desde quando ele tinha 18 anos e tocava no Central Park para fazer dinheiro. Baby e Pepeu viram o músico arrebentando na bateria e fizeram o convite para ele vir tocar no Brasil com eles. Skoota aceitou o convite e morou dois anos com o casal. Seu primeiro show foi em cima de um trio elétrico, no carnaval de Salvador.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 17:25

Almoço para Pezão na Barra

Sergio Nogueira Lopes, o governador Pezão e o desembargador Manuel Rebêlo dos Santos, em almoço na Barra/ Foto: Victor Leão

O governador Pezão foi homenageado com almoço de adesões organizado pelo ex-senador Ney Suassuna, nesta tarde de quarta-feira (23/07), na churrascaria Baby Beef da Barra. O sociólogo e Embaixador da Sociedade Pestalozzi, Sergio Nogueira Lopes, foi o responsável por um momento incomum nesse tipo de evento: pediu ao governador que dê mais atenção à questão da prisão dos jovens ativistas no Rio e ainda entregou um bilhetinho para que Pezão não se esqueça do assunto. Na era da internet, Sergio ainda confia na eficiência dos recadinhos em papel. Quando estudante, em 1968, chegou a ser considerado pelo Departamento de Ordem Política e Social (Dops) um “elemento perigoso”. Pezão abraçou o amigo e elogiou sua elegância.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 15:32

Adriana Calcanhotto: show grátis, por amor à poesia

Adriana Calcanhotto: mesmo seu receber cachê, cantora resolveu participar de recital do Real Gabinete de Leitura Português, segunda-feira/ Foto: divulgação

Há seis meses, o Real Gabinete Português de Leitura está colocando em prática um projeto de digitalização e pesquisa de suas revistas e jornais e de revitalização das atividades culturais da casa,  ”O Real em Revista”.  O projeto só pôde ser concretizado com o patrocínio da Petrobras de R$ 699.363,00. Para festejar o bom andamento da programação no Real Gabinete – a casa já conta até com um serviço de visitas guiadas – Adriana Calcanhotto e a professora Cleonice Berardinelli, imortal da ABL, vão fazer um recital, segunda-feira (28/07), às 17h, com entrada aberta ao público. Adriana vai cantar músicas inéditas suas, compostas com os poemas de Mario de Sá Carneiro, e a professora Cleonice vai recitar alguns trechos da obra do poeta português. Como o espetáculo não estava previsto no orçamento, nenhuma das duas cobrou cachê.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 14:40

Almoço de arquitetos na Barra

Foto de:

A Ornare do CasaShopping, na Barra, recebeu arquitetos e designers, nessa terça-feira (22/07), para almoço de apresentação de novos produtos eletrodomésticos. As comidinhas da chef Célia Pessoa levaram os convidados à loucura. Veja as fotos na Galeria.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 13:51

Cecília Rabello vai produzir os eventos da Portela

Com a nova diretoria da escola, composta por Serginho Procópio, presidente, Monarco, presidente de honra, e o vice Marcos Falcon, Cecília diz ter se sentido à vontade para aceitar o cargo de coordenadora de eventos da Portela/ Foto: divulgação

Cecília Rabello, a linda filha de Paulinho da Viola, musa do bloco Timoneiros da Viola e da quadra da Portela, vai trabalhar oficialmente para a azul e branco. Ela aceitou o convite do vice-presidente Marcos Falcon para assumir a coordenação do recém-criado departamento de eventos da escola de samba. Há 15 anos produzindo os shows de seu pai, Cecília estreia já esse sábado (26/07): foi sua ideia fazer a segunda edição de “A noite veste azul”, show que aconteceu em dezembro passado com Paulinho, Marisa Monte e a Velha Guarda, com renda destinada ao desfile de 2014. Desta vez, quem vai estar no palco é Diogo Nogueira.

Na mesma noite, o novo mestre-sala da escola de Madureira, Alex Marcelino, vai ser anunciado por Diogo. A agenda profissional de Cecília emenda com a produção do espetáculo de 50 anos de carreira de Paulinho. O sambista vai comemorar a data com um show, dia 6 de setembro, no Vivo Rio.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 13:19

Mais um salão na Barra

Juliana Paiva e Karen Junqueira: umas das primeiras clientes do Espaço Contemporâneo, novo salão na Barra/ Foto: Marcelo Borgongino

Mais um salão foi inaugurado na Barra, nessa terça-feira (22/07): o Espaço Contemporâneo. As lindas atrizes Juliana Paiva e Karen Junqueira, com seus cabelos incríveis, estavam lá mostrando do que os profissionais no novo espaço são capazes.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 12:12

Renata Tassinari: individual no Leblon

Foto de:

Renata Tassinari inaugurou individual, nessa terça-feira (22/07), na Mul.ti.plo Espaço Arte, no Leblon. A artista plástica mostra 33 desenhos-pinturas, escolhidas pela galerista Maria Cristina Magalhães Pinto, sócia de Stella Silva Ramos e Luiz Carlos Nabuco na Mul.ti.plo. Veja as fotos na Galeria.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 11:47

Blitz faz show na Cidade das Artes

Foto de:

A banda Blitz se apresentou, nessa terça-feira (22/07) na Cidade das Artes, na Barra. O show faz parte do projeto Inusitado, de André Midani que, a convite de Emílio Kalil, presidente da Fundação Cidade das Artes, deixa os artistas livres para novas experimentações no palco.

A ideia é que eles mostrem ao público uma performance inusitada: -“A liberdade criativa e rebelde deve ser incentivada. Se quiser pintar em vez de cantar, que pinte como um pintor”. Evandro Mesquita, vocalista da banda, aproveitou a oportunidade e se inspirou nos feirantes – no palco havia frutas, uma galinha de borracha e um peixe – dos grandes -, que ele segurou como se oferecesse à plateia. Veja as fotos na Galeria.

Enviado por: Redação
23/07/2014 - 11:11

Marcos Sodré abre nova casa em Ipanema

Sandra, que vai comandar o salão da nova casa, o chef Marcos Sodré e, à direita, o desenho da fachada do restaurante de Ipanema/ Divulgação

O Sawasdee Búzios fechou em março, mas o chef Marcos Sodré está abrindo outra casa da rede, esta semana. Trata-se do Sawasdee Ipanema, que surgiu da vontade do casal Sandra e Marcos voltar a trabalhar juntos – era ela quem comandava o restaurante de Búzios. A decisão de concentrar esforços numa nova operação também levou ao fechamento do Sawasdee do Fashion Mall, em junho.

O novo restaurante será bem diferente da casa do Leblon, que continua funcionando. Com projeto do arquiteto Maurício Nóbrega, vai contar com um menu próprio, em parte voltado para as receitas que fizeram sucesso no passado, como o risoto thai de camarões com abóbora e o cordeiro com redução de abacaxi e curry vermelho.

E vai ter uma mesa do chef, ideia que está empolgando Marcos: o cliente vai dizer apenas quais sãos suas restrições alimentares e se entregará nas mãos do chef. A casa de dois andares fica na Barão da Torre, entre Maria Quitéria e Garcia D’Ávila, e vai ter 100 lugares, divididos em três ambientes, aí incluída a varanda.

Enviado por: Redação
22/07/2014 - 20:20

Filha de Tintim sobre bandido: “Não sei e não quero saber”

A Missa de Sétimo Dia pela morte de Tintim Mascarenhas (assassinada semana passada, na Praça Santos Dumont, na Gávea), na noite desta terça-feira (22/08), lotou a igreja da PUC (dentro e fora) / Fotos: Lu Lacerda

A Missa de Sétimo Dia pela morte de Tintim Mascarenhas (assassinada semana passada, na Praça Santos Dumont, na Gávea), na noite desta terça-feira (22/08), lotou a igreja da PUC (dentro e fora), no mesmo bairro. Segundo cálculos informais, mais de mil cariocas passaram por lá: desde amigos da família até pessoas que nunca a viram, mas estavam revoltadas com a violência e queriam se solidarizar.

A multidão era tal que vários desistiram de cumprimentar as filhas Domingas e Bebel e o marido da empresária, Chico Mascarenhas. Era impossível. Dentro da igreja, a missa transcorria normalmente, enquanto, fora, só se ouvia o silêncio a maior parte do tempo. Todo mundo meio calado, reflexivo, temeroso.

Perguntada se teria alguma novidade sobre o bandido que assaltou e matou sua mãe, Domingas Mascarenhas respondeu: “Não sei e não quero saber. Estou com meu coração destruído”.

Enviado por: Lu Lacerda
22/07/2014 - 19:30

Em Casa, por Marcia Müller: Quando a mesa está no centro

E nem precisa ser baixa para ser mesa de centro… Uma mesa alta, no meio de uma sala, hall ou mesmo encostada na parede, dá ao espaço uma utilização elegante e prática.

Ali, pode-se colocar de tudo e, principalmente, aquilo que utilizamos o tempo todo.

A mesa alta possibilita uma imediata visualização e, pela altura, um alcance dinâmico e perfeito.

Gosto muito de usar uma mesa alta com livros, aquele lindos que, na estante, quase não vemos, ou mesmo aqueles de arte, grandes e pesados, que para folhear dá até preguiça.

Então, nada mais elegante que uma mesa alta normal sem nada de mais, mas cheia de lindos livros.

Isso muda tudo!

Geralmente, essas mesas servem para colocar as chaves, as correspondências que vamos abrir mais tarde, ou seja, é um móvel nos dá boas-vindas quando chegamos em casa.

Isso sem falar em flores que, em qualquer lugar ficam lindas, mas numa mesa com mais altura se colocam inteiramente à vista e mais lindas ainda.

Para mim, a combinação mais elegante e perfeita para uma casa são livros e flores.

Aliás, chegar em casa com as boas-vindas de flores nos tornam sempre mais felizes.

Mostro dois projetos nos quais coloquei uma mesa no centro de um hall e outra no centro da sala. As duas servem para o mesmo propósito, que é alegrar a chegada do morador.

Enviado por: Redação
22/07/2014 - 18:27

João Gabriel canta no ‘Roça in Rio’ este sábado

Gisella Amaral festeja a participação do cantor João Gabriel, este sábado, no Roça in Rio, no Jockey da Gávea/ Fotos: divulgação e Geraldo Valadares

Gisella Amaral está feliz da vida: este sábado (26/07), quem se apresenta às 23h30 no Arraial da Providência, no Jockey Club da Gávea, é o cantor sertanejo João Gabriel, que atraiu um público numeroso na festa junina do ano passado. Além dos sucessos próprios, João vai cantar música baiana com pegada sertaneja e canções do pop internacional.

O cantor abriu mão de metade do cachê em colaboração com o evento, que tem toda a renda revertida para os projetos sociais do Banco da Providência. Até às 8h da noite, no sábado, o ingresso custa R$ 20 a inteira; depois desse horário, R$ 40. Os ingressos podem ser comprados na hora, na bilheteria na entrada do Arraial, em dinheiro ou cartão de débito.

Enviado por: Redação
22/07/2014 - 17:23

Campanha na rua e um celular na mão

A intenção dos candidatos Eduardo Campos e Marina é chegar de surpresa para conhecer as casas que já estão cadastradas para a campanha

Marina Silva inaugurou, nesta tarde de terça-feira (22/07), a primeira Casa de Eduardo e Marina do país, na periferia de Belo Horizonte. Quando a ex-senadora se lançou à Presidência da República, em 2010, mais de 2.500 pessoas colocaram suas casas à disposição da campanha, como ponto de divulgação das propostas da candidata.

No Estado do Rio, foram 176 casas de voluntários, que não receberam nenhuma ajuda financeira. Aliás, Marina estreou, também nesta terça-feira, a transmissão ao vivo do evento para o site, feita por celular, no melhor estilo mídia ninja.O jingle da campanha Eduardo/Marina é um mix de hip hop com batucada.

Enviado por: Redação