“Pela primeira vez na vida, não trabalhei em um carnaval e não estou gostando nada. Aproveitei esses dias para ocupar a minha cabeça, para não pensar na tristeza de ver o Rio sem carnaval, de ver a mim mesmo, sem o carnaval. Nas ruas, as pessoas pedem para eu repetir em voz alta: ’10…nota 10!’. É difícil. Nunca imaginei que fosse viver isso na minha vida”.

Do jornalista Jorge Perlingeiro, há 29 anos o locutor oficial da apuração dos desfiles das escolas de samba do Rio,…

Leia Mais