BLOG - FICA A DICA

25/05/2014 - 11:32

#Ficaadica, com Vanessa Metz

Vanessa Metz é especialista em dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Proprietária de uma clínica em Ipanema e membro da Academia Americana de Dermatologia (AAD), ela está em constante atualização, participando de cursos e congressos no Brasil e no exterior. A clínica de Vanessa conta com especialistas de diferentes áreas, desde fisioterapia dermato-funcional até clínica geral. Os pacientes são tratados como um todo e de forma personalizada. “Pele, cabelos e unhas também demonstram sua saúde interior”, conta a dermatologista, acrescentando que uma pele bem cuidada, além de sinônimo de beleza, é importante para a saúde e para a autoestima. Por isso, no Fica a Dica desta semana, a dermatologista indica 10 ações para melhorar a qualidade e a aparência da pele. Confira!

1
Proteja-se

“Faça chuva ou faça sol, o protetor solar é fundamental! No inverno, mesmo que ocorra a diminuição dos raios UVB, os raios UVA continuam penetrando na pele. Além de proteger a pele dos raios, aplicá-lo diariamente evita o aparecimento de manchas, vasinhos e rugas. O ideal é que o produto seja aplicado pela manhã e reaplicado na hora do almoço e no meio da tarde. Vale lembrar que o filtro solar deve ser usado diariamente não só no rosto, mas em todas as áreas expostas do corpo, como as mãos, braços e colo. O uso diário pode reduzir em até 85% as chances de desenvolver o câncer de pele”.

2
Fique fria

“Evite os banhos com água muito quente! Os banhos demorados e quentes deixam a pele mais sensível, porque a alta temperatura remove a camada natural de proteção da pele. Com isso, a pele fica vulnerável e desprotegida, o que favorece o ressecamento. O ideal é tomar banho em uma temperatura morna, além de usar hidratantes e sabonetes específicos para deixar a pele sempre macia”.

3
Trio poderoso

“Limpar, tonificar e hidratar! Essas etapas são fundamentais para manter a pele sempre bonita e saudável. Esses são procedimentos importantes para a eliminação das células mortas, da poluição, dos resíduos de maquiagem e também da oleosidade. Além disso, uma pele limpa permite que as substâncias ativas dos produtos penetrem com mais eficiência. O ideal é que esse processo – limpeza, tonificação e hidratação – seja feito de manhã e à noite”.

4
Conheça sua pele

“Antes de escolher o melhor produto para seu rosto, é preciso saber qual é o tipo da sua pele. A pele normal é macia, lisa e com poros não visíveis. Já a oleosa tem poros dilatados, brilho excessivo e tendência a apresentar cravos e espinhas. A pele seca é fina, áspera, descama com facilidade e precisa de muita hidratação. Por fim, a mista tem áreas secas e oleosas (geralmente na zona T: testa, nariz e queixo). Escolha produtos de acordo com seu tipo de pele, isso faz com que os resultados sejam sentidos mais rapidamente”.

5
A hora do abraço

“Mãos e braços também precisam de cuidados. As mãos tendem a ficar com aspecto envelhecido, o que gera manchas e sinais de perda de elasticidade. Isso acontece porque a pele é mais fina e possui pouca quantidade de glândulas sebáceas, fato que as torna mais sensíveis à desidratação. Para cuidar dessas áreas, use fórmulas específicas com hidratantes e protetor solar. É importante também evitar o contato com produtos químicos que podem causar irritações e alergias, a curto ou longo prazo”.

6
Beleza na mesa

“Ao se alimentar de forma saudável, você não esta trazendo benefícios apenas para a saúde do seu corpo, mas também para a saúde de sua pele. Assim como nosso organismo, nossa pele também precisa de nutrientes. Comer alimentos ricos em carotenóides, como laranja, melancia, tomate, mamão, cenoura, damasco e vegetais escuros, retarda o envelhecimento celular. As frutas e as verduras amarelas e laranjas possuem uma atividade grande de vitamina A, devido aos carotenóides que contêm. Geralmente, quanto mais forte a cor da fruta ou verdura, maior será a concentração de carotenóides. Outros alimentos importantes são os ricos em flavonóides. Encontrados em frutas vermelhas, beterraba, berinjela, chá verde e romã, eles atuam como antioxidantes”.

7
Mexa-se

“Deixe de lado o sedentarismo! A prática de atividades físicas traz muitos benefícios para o corpo e para a pele. Os exercícios melhoram a circulação sanguínea da pele, potencializam o metabolismo do organismo, reduzem o estresse e melhoram a qualidade do sono. Além disso, eles combatem a flacidez, a celulite e a gordura localizada”.

8
Beba água

“A água ajuda o organismo a eliminar as impurezas, melhorando a circulação sanguínea e evitando o aparecimento da celulite. Quando a pele está hidratada, as rugas se tornam menos perceptíveis e o rosto fica mais firme. Além disso, as fibras de colágeno, responsáveis pela sustentação da pele, dependem da água para a sua renovação e seu bom funcionamento. Beber água ao longo do dia evita que o organismo retenha sódio e fique inchado. Com a ingestão de dois litros de água por dia, problemas como pele seca, cabelos fracos, hipertensão e cálculos renais também podem ser evitados”.

9
Sono da beleza

“Durante o sono, o organismo trabalha para desintoxicar e recuperar os tecidos. É enquanto dormimos que as células da pele produzem colágeno e se renovam. E é também à noite que ocorre o pico de produção do hormônio do crescimento, aliado no combate ao envelhecimento da pele. Além da aparência cansada, pele opaca e olheiras, as noites mal dormidas podem causar o aparecimento de rugas precoces. Por isso, valorize seu momento de descanso”.

10
Sorria mais!

“Sorrir faz bem à alma… e à pele também! Uma bela gargalhada pode fazer seu corpo usar até 53 músculos. E os músculos envolvidos no sorriso evitam a flacidez nas laterais do queixo, melhoram a elasticidade da pele e ativam a circulação sanguínea. Tem ginástica facial melhor que essa?”


Enviado por: Redação
27/04/2014 - 12:00

#Ficaadica, com Pinha Mello Franco

Pinha Mello Franco, consultora de estilo, que trabalhou anos, dando consultoria a shoppings, atualmente faz assessoria para lojas de varejo, como a Via Flores, por exemplo, treinando a equipe, arrumando a loja, opinando sobre os produtos e, claro, melhorando as vendas. Pinha pode levar as clientes às compras, o que adora fazer. Esta semana, a loja Valentino de São Paulo pediu-lhe 100 nomes de “pessoas especiais” no Rio, ou seja, Pinha, casada com o empresário Joaquim Pedro Bertoletti, mãe da linda Maria, de 2 anos, é versátil em tudo: na classe, na elegância, no bom gosto. Isso não muda em nada.

1
Descubra o seu estilo

“Descubra o seu estilo, seja ele qual for. Estilo é estar em harmonia com você, ser natural. E deve mostrar isso em suas roupas.”

2
A última palavra é sua

“Repare, escute, estude, mas a última palavra deve ser sempre a sua – você é a pessoa que mais se conhece.”

3
Passe despercebida

“Passe despercebida: chique é ser reparada sem querer.”

4
Compre menos

“Compre menos, para não se confundir e ter mais chance de errar.”

5
Roupas de qualidade

“Guarde suas roupas de qualidade; elas sempre voltam, mas, se não voltarem, ficam as lembranças.”

6
A maquiagem é uma aliada

“Use a maquiagem como uma aliada sua, ao contrário de algumas mulheres que se acham tão bonitas que julgam não precisar – ninguém é tão linda assim.”

7
Nada de blusas furadas

“Trate-se bem, com elegância, até em casa! Nada de blusas furadas e chinelões – não vai querer ser gata borralheira em casa, e, na rua, Cinderela, né?”

8
Não compre no impulso

“Sugiro experimentar as peças antes de comprar, em vez de comprar no impulso.”

9
Na dúvida, desista

“Na dúvida, desista, nada de consumismo louco. Conheço mulheres que compram tanto e quase sempre estão malvestidas.”

10
Cafonice do look do dia

“O bom gosto não é caro – você pode aprender, ler, reparar. Sou adepta do “menos é mais”, sempre, bem o oposto dessa cafonice de fotografar o look do dia.”


Enviado por: Redação
06/04/2014 - 14:00

#Ficaadica, com Fernanda Abreu

Para Fernanda Abreu, a própria “Garota Sangue Bom“, título de um de seus maiores sucessos, não existe a cidade dividida. Do pop rock da Blitz, banda onde surgiu, a cantora passou pela disco music e se aproximou tanto do samba e do funk que hoje conhece de fato a Zona Norte e pode dar dicas da cena cultural local. Seu gosto eclético traduz a própria alma do morador do Rio e seu estilo de dançar, a ginga de quem circula por ladeiras e orlas. Ela faz por merecer o crachá de carioca.

“Minhas dicas são intermináveis; o Rio dá show nesse quesito! Fora Corcovado, Maracanã, Paineiras, Aterro do Flamengo etc… vão aqui alguns programas bacanas”, diz ela.

1
Jardim Botânico + Parque Lage 

“O Jardim Botânico é um passeio bucólico imperdível! Depois de muita caminhada, as opções gastronômicas são muitas: Lorenzo Bistro, Escola do Pão, Capricciosa, Braz, Quadrifoglio ou o Bar Rebouças para um bate-papo mais descontraído!”

2
Leblon – ótimas lojinhas de rua 

“Passar o dia curtindo o Leblon! Ótimas lojinhas de rua! Na Dias Ferreira e em todo o bairro. Boa opção é tambem um rolé pelo Shopping Leblon e no Rio Design! E antes, depois e durante as compras, ótimas opções de restaurantes e cafés: Talho Capichaba, Garcia e Rodrigues e Pavelka para um lanche gostoso e rápido, ou bons restaurantes, como Margutta, Quadrucci, Venga e tantos outros na região! E, se quiser tomar o melhor suco verde, vá à lojinha orgânica do Marquinhos Palmeira!”

3
Fim de semana no Centro da Cidade 

“Vazio. Passear por essa região no fim de semana é um charme. Sábado tem a feirinha da Rua do Lavradio, aproveitar e conhecer o CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil – sempre com ótima programação), visitar o Paço Imperial, a Candelária, a Igreja de São Jorge, o Saara (comércio popular pitoresco) e terminar o dia comendo na tradicional e imponente Confeitaria Colombo!”

4
Santa Teresa / Lapa 

“Vale um passeio no bairro de Santa Teresa. Comer no Aprazível e descer pra Lapa à noite, pra conhecer os Arcos, o Circo Voador e curtir o show do Rogê no Carioca da Gema!”

5
Urca, esse bairro lindo 

“Vale um dia passear na Urca, esse bairro lindo cheio de atrações! Caminhada na Pista Cláudio Coutinho, curtindo o visual maravilhoso, curtir o pôr do sol na mureta da “orla”, comendo um pastel e chope do delicioso Bar Urca. Ao anoitecer, subir o bondinho do Pão de Açúcar pra se deliciar com a paisagem exuberante e, se tiver sorte, ainda assistir a um show no Morro da Urca!”

6
A fauna humana de Copacabana! 

“Um clássico! Caminhar do Posto 6 até o Leme pela orla, observando a fauna humana tão diversa e cativante do bairro! O Forte de Copacabana é lindo, e a gastronomia do bairro, supervariada! Desde o japonês Azumi, passando pelo Árabe Baghdad, até os descontraídos Cervantes e Adega Pérola.”

7
Praia de Ipanema tem pra todo mundo! 

“Programa que não tem erro! A praia de Ipanema tem pra todo mundo! Todas as tribos! E terminar o dia vendo o sol se pôr na Pedra do Arpoador. Depois dar uma passadinha na Livraria da Travessa pra conferir os últimos lançamentos de livros, CDs e DVDs. Depois, é sentar no Bar Lagoa e pedir um peixe com palmito na manteiga e batata portuguesa! Terminando o dia, fazendo a digestão, dando uma caminhada na Lagoa Rodrigo de Freitas (em frente ao Bar Lagoa)!”

8
O MAR e o Municipal 

“Visita ao MAR (Museu de Arte do Rio) – lindíssimo!! Acabou de ganhar o prêmio internacional como museu mais lindo arquitetonicamente! Se tiver alguma programação bacana, vale ir ao Teatro Municipal, todo reformado e lindíssimo! Terminar a noite no infalível Baixo Gávea, cheio de gente bonita e descolada!”

9
Zona Norte 

“Pra conhecer um pouco da Zona Norte, indico a ida ao Centro Cultural João Nogueira (ex-Imperator). Muitas atividades, e, nos domingos, ainda rola muita música black no Baile Charme! Pra se acabar de dançar!”

10
Baile Funk e Samba da Quadra 

“Esses dois programas são simplesmente obrigatórios pra quem quer desfrutar o que o Rio e os cariocas têm pra dar ao mundo! Muita música, suor e dança! Tudo junto e misturado! Alegria garantida!”


Enviado por: Redação
23/03/2014 - 13:00

#Ficaadica, com Webert Teotônio

Webert Teotônio é especializado em Medicina Preventiva e Performance Humana. A finalidade é regular os níveis hormonais, adequando sua idade biológica com a cronológica , a fim de aproveitar de forma fisiológica a capacidade do seu corpo em desempenhar as atividades diárias. Morando há 8 meses no Rio, Teotônio, que nasceu em Natal, Rio Grande do Norte, é membro da Sociedade Brasileira de Fisiologia Hormonal e admira o estilo de vida carioca. O médico acha que, através da indicação de uma dieta baseada no equilíbrio hormonal, aliando alimentação adequada e atividade física regular, tudo pode melhorar pra qualquer um. E com uma rotina tão agitada, típica  dos grandes centros urbanos como o Rio, o estresse é um dos principais fatores responsáveis por esse desiquilíbrio. Seguem algumas dicas para contornar o problema.

1
Noite bem dormida

“Nada melhor que uma noite bem dormida. Tudo melhora: humor, sensação de bem estar, disposição, além de atuar diretamente no equilibro do nosso corpo. Um sono restaurador é conseguido quando relaxamos e descansamos; é, nesse momento tranquilo, que nosso corpo aproveita para atuar na liberação de certo hormônios, como no caso do GH, o famoso hormônio do crescimento.”

2
Controle do estresse

“O estresse já virou um hábito do homem moderno. Aí entra em cena o hormônio cortisol, conhecido como “o hormônio do estresse”, que fica com suas taxas elevadas em situações desse tipo. Ele é o grande vilão, que faz as pessoas terem aquele desejo incontrolável de comer doces, além de outros tipos de compulsão.”

3
Sensação de inchaço

“Sabe aquela sensação de inchaço, quando tudo que se come parece não cair bem? Neste caso, você pode estar sofrendo com uma alteração da flora intestinal ou ser um forte candidato a um quadro depressivo. Se o problema for no intestino, a produção de serotonina fica prejudicada.  E é justamente nessa parte do corpo que ocorre a maior parte da fabricação dessa substância – é aquela mesma, que seu organismo fabrica quando se praticam atividades físicas ou quando você come uma barrinha de chocolate!”

4
Ansiedade

“Vivemos numa corrida maluca o tempo inteiro, quando tudo é pra ontem! Nesta era do imediatismo, nosso tempo vale ouro.Não tem como não bater aquela insegurança em relação ao amanhã. Você deve ser pró-ativo, mas não pode deixar que essa busca por resultados vire doença. Se isso acontecer, a ansiedade irá paralisá-lo nas atividades do dia a dia. E a consequência em nosso organismo são as desordens hormonais, como é o caso do aumento do nível de cortisol, baixa de serotonina e, até mesmo, queda do nível de testosterona.”

5
 Tireoide

“Aquela “borboleta” que fica na porção anterior do nosso pescoço é a grande responsável pelo nosso metabolismo. Este órgão está diretamente ligado à nossa disposição. Quando ele não está funcionando a pleno vapor, situação conhecida como Tireopausa, todo metabolismo fica comprometido. O resultado é mais cansaço, falta de ânimo para realizar as atividades, ganho de peso, sonolência,entre outros sintomas.”

6
Água, água, água

“Quem nunca desejou mais que tudo por um copo de água bem gelada, quando se está num clima “Rio 40 graus”? A água constitui boa parte do nosso corpo, sendo a chave principal para manutenção da vida. Ela atua como se fosse um “carro” que transporta vários tipos de hormônio pelo nosso organismo, agindo diretamente no papel de cada um. Além disso, ela faz uma verdadeira faxina no nosso corpo, facilitando a excreção de substâncias que prejudicam o bom funcionamento do organismo.”

7
Proteínas e gorduras boas

“Já dizia Hipócrates: “Que teu alimento seja teu remédio”. Não é de hoje que sabemos que uma alimentação saudável é a base para uma melhor qualidade de vida. A receita é comer proteínas e gorduras boas, evitando os carboidratos em excesso. E nada de pensar em facilitar a vida com alimentos industrializados. Facilita agora, para ter que remediar depois! Esse tipo de comida é repleta de substâncias nocivas ao nosso corpo.”

8
Glúten e lactose

“A primeira coisa que vem à cabeça: TUDO TEM GLÚTEN E LACTOSE! Uma releitura minha: tudo que você foi acostumado a comer ao longo da vida. Esses dois compostos são verdadeiros inflamatórios em nosso corpo, aumentando  a proliferação de bactérias. Com isso, o intestino fica com uma verdadeira “cola”, que embarreira a liberação de substâncias importantíssimas na manutenção de nossa saúde, como é o caso da serotonina. Sendo assim, ficamos mais propensos a desenvolver doenças de um modo geral.”

9
Importância do sol

“Quem não gosta de tomar sol, principalmente nos momentos de lazer? A exposição ao sol de forma regular e adequada faz com que nosso corpo seja estimulado a aumentar a síntese de um certo hormônio. Até bem pouco tempo atrás, esse grande aliado da boa saúde era conhecido como uma simples vitamina: a vitamina D! Isso mesmo, esse hormônio está diretamente relacionado à capacidade imunológica, prevenindo doenças, como, por exemplo, o câncer de mama e próstata. Além disso, a vitamina D atua também de forma preventiva na osteoporose, já que interfere na absorção do cálcio, e é também usado no tratamento de certas dermatites.”

10
Espiritualizados adoecem menos 

“Você já se questionou qual o conceito de saúde ? Nada mais é que o equilibro harmônico da saúde física, mental e espiritual. Ser saudável não é apenas ter um corpo funcionando normalmente – o que inclui os níveis hormonais a pleno vapor! -, mas também ter bons hábitos de vida, ser gentil, atencioso, prestativo, cordial, cultivar boas amizades e manter uma vida social. Estudos comprovam que pessoas espiritualizadas, ou seja, que têm fé ou crença, adoecem menos. Isso porque essas pessoas mantêm uma higiene mental baseada em um Deus, ou ser maior, onde tudo pode, aumentando assim seu poder de confiança e determinação.”


Enviado por: Redação
09/03/2014 - 12:00

#Ficaadica, com Bia Rique

Com pacientes em todas as camadas da sociedade, Bia Rique já ajudou milhares de brasileiros a mudar o estilo de vida, adequando os hábitos alimentares de cada um. Só na Santa Casa de Misericórdia do Rio, atendeu 2.900 pessoas em 12 anos. É ali que está seu maior orgulho: a 38ª enfermaria de cirurgia plástica, onde implantou seu projeto a partir do zero e foi colhendo resultados transformadores. A nutricionista lembra, com carinho, de um rapaz que perdeu 45 quilos, seguindo seu acompanhamento. É apenas um dentre tantos exemplos que Bia gosta de mencionar em palestras e nos trabalhos de consultoria para empresas, restaurantes, spas, instituições de ensino e organizações não-governamentais, quando chamada para falar sobre qualidade de vida e gastronomia saudável.

Bia é autora de dois livros sobre o tema – “Comer para Emagrecer – uma filosofia nutricional” e “Novos conceitos de alimentação saudável e Tabela de equivalências”. No dia-a-dia, além da Santa Casa, também desenvolve programas de nutrição na Clínica Ivo Pitanguy e em seu consultório particular. Já elaborou mais de 650 receitas saudáveis, que têm como o foco o equilíbrio na alimentação, e não as dietas (elas nem entram no vocabulário da Bia).

No Fica a Dica desta semana, a nutricionista indica 10 passos para quem – quase todo mundo, certo? – acumulou excessos com o Natal, Réveillon e Carnaval. “Estamos nos últimos dias para decidir que corpo queremos vestir, que saúde precisamos e que vida queremos para este ano que, finalmente, começa amanhã”, alerta. O importante, ressalta Bia, é a vontade de mudar, mesmo que as mudanças sejam graduais. “É nesse início que depositamos todas as fichas para que elas se tornem realidade”. Com estas dicas, ninguém mais tem desculpas.

1
Planejamento

“Essencial para mudar qualquer coisa no estilo de vida, seja parar de fumar, começar um programa de exercício ou melhorar sua alimentação, o planejamento é a base das transformações. Precisamos de um planejamento interno, que significa estarmos prontos para todas as mudanças que queremos, mas também de um planejamento externo, que vai desde organizar as compras, despensa e cardápio ao horário que vamos nos exercitar ou o que vamos comer no restaurante, sábado à noite.”

2
Água

“Aumente seu consumo de água nas próximas semanas – ela é o melhor hidratante da natureza!!! Depois de tanta comilança e exageros de bebidas, a hidratação é o que, dia após dia, vai ajudar o corpo a se desintoxicar dos excessos de álcool, sal, açúcar e gordura. O fígado metaboliza as toxinas, e o rim as elimina; portanto, independente de comer alimentos que auxiliam este processo, também é importante que você beba muita água, assim como chás sem cafeína, para aos poucos ir se desintoxicando.”

3
 Bebidas alcoólicas

“O ideal seria, no máximo, beber moderadamente o ano inteiro. Mas para quem extrapolou, tente ficar 2 semanas sem nenhum álcool, além, obviamente de reduzir sal, açúcar e gordura, para que o fígado tenha algum tempo para se recuperar.”

4
Vegetais e Frutas 

“Ricos em água e fibras, promovem saciedade e ajudam a eliminar as toxinas, por serem diuréticos e laxativos. Aqueles que querem perder peso  devem preferir comer os vegetais e as frutas, mas outros, cujo foco é se reenergizar após a folia, podem preferir os sucos. No caso das saladas cruas, evite o sal, pois este retém líquidos, e nesse período pós-abusos, a ideia é pouco sal e muito líquido. Use ervas frescas como manjericão, hortelã, cheiro verde, salsa, etc à vontade, e deixe vegetais e frutas picados na geladeira em taças lindas, para ficar mais fácil aderir aos novos hábitos.”

5
 Carboidratos 

“Modere os carboidratos e dê preferencia aos integrais, pois se transformam em glicose mais lentamente. Exemplos: Cereais integrais como  quinoa, cevadinha, arroz selvagem, arroz integral, painço, assim como leguminosas tipo feijão, lentilha, ervilha, grão-de-bico. No caso dos pães, verifique os rótulos, dando preferencia aos artesanais, que sejam  100% integrais. Os pães e massas sem glúten devem ser consumidos por quem tem intolerância ou sensibilidade ao glúten, e não com a ilusão de que emagrecem.”

6
Proteína

“As proteínas (carnes, aves, peixes, ovos, laticínios) devem ser consumidas com moderação, e também podem ser parcialmente substituídas por proteínas de origem vegetal, como feijões, tofu, sementes  etc., já que o excesso de proteínas, principalmente as de origem animal, em especial a carne vermelha, aumenta o risco de doenças crônicas.”

7
Exercício aeróbio 

“O exercício físico aeróbio também ajuda o processo de desintoxicação nesse período pós-folias. Faça pelo menos 30 minutos de caminhada, pedalada, corrida ou qualquer outra atividade aeróbia 5 a 6 vezes na semana. Para que você consiga fazer com essa regularidade, programe-se para fazer 7 vezes e descanse nos dias em que estiver mais ocupada. No entanto, é no fim de semana, quando dormimos melhor e comemos mais, que o exercício deve ser priorizado.”

8
Sono

“O sono tem sido extensamente pesquisado, e cada vez mais se confirma a importância de dormir bem, para a prevenção de doenças crônicas. Quando você dorme pouco, tem menos disposição para o exercício, produz cortisol (o hormônio de estresse) e acaba exagerando na comida para compensar o cansaço. Nesse período pós-carnaval, então, se você quiser tomar as rédeas da sua vida, priorize o sono. Isso vai facilitar a adesão a um programa de exercício regular e também as mudanças necessárias na alimentação.”

9
 Alimento – Cura ou Vìcio? 

“A comida  pode ser a nossa cura e transformação,  mas também o nosso vício, assim como outras drogas, como o cigarro, álcool e cocaína. Com uma pequena grande diferença: diferente dos outros vícios, não podemos  nos tornar abstêmios, temos que aprender a lidar com ele e exercitar a moderação. Claro que ninguém é viciado em alface ou tomate, mas somente em alimentos ricos em sal, açúcar ou gordura.”

10
Peso ideal

“Nesses tempos de busca por um corpo ideal, cada vez mais irreal, as pessoas vão acumulando frustrações por não corresponderem aos modelos de beleza das revistas, passarelas e mídias sociais. Tentar chegar no seu melhor possível, encontrar o programa de exercício do qual você não desista – e que não seja apenas uma obrigação -, melhorar sua alimentação a cada dia com mudanças definitivas, e encontrar novos significados de vida nos ajudam a tentar escolher um corpo para vestir, que seja companheiro de todas as horas.”


Enviado por: Redação
02/03/2014 - 15:00

#Ficaadica, com Márcia Rissato

É a época mais louca do ano: muita folia, muita (ou quase nenhuma) comida, muita bebida, muito beijo, muito tudo e muito mais. Haja fôlego para atravessar o Carnaval sem desafinar! Saiu do ritmo, perdeu o rebolado? Uma sugestão é recorrer a gotinhas que ajudam a equilibrar mente e corpo. Quem garante é Márcia Rissato, terapeuta floral acostumada a acalmar a vida de quem anda à beira do estresse – jornalistas e atores bem conhecidos são seguidores de seus conselhos.

No Fica a Dica desta semana, Márcia, formada pelo Instituto Bach do Brasil e pela Bach Foundation, da Inglaterra, conta como pequenas atitudes podem levar ao relaxamento durante e, principalmente, depois do Carnaval. Florais de Bach e óleos essenciais também têm um papel nesse processo – para que o ano, enfim, possa começar. Na paz.

1
Hidrate o corpo e a pele 

“O indicado é beber água antes, durante e depois da folia. Recomendo uma bela massagem para hidratar a pele castigada pelo sol, luz artificial, maquiagens e ambientes fechados. Os óleos essenciais de rosa e gerânio aumentam o fluxo sanguíneo e super hidratam a pele.”

2
Cuide dos pés 

“Massageie pontos do pé que, uma vez estimulados, refletem em outras estruturas do corpo, incluindo órgãos e glândulas, o que pode ajudar a relaxar e equilibrar.”

3
Aquiete o pensamento

“Depois de tanta badalação, agito e barulho, o cérebro precisa desacelerar de toda essa agitação. Para acabar com o tormento mental, o floral White Chestnut ajuda nesse processo.”

4
Durma tranquilamente 

“Noites bem dormidas rejuvenescem, renovam e aumentam a produtividade cerebral, e o oposto também é verdade. Para ajudar a relaxar, acalmar a mente e ter um sono tranquilo, o Rescue Sleep é totalmente natural, composto por cinco flores.”

5
Medite 

“No carnaval, a má alimentação e os excessos podem baixar as defesas do organismo. A meditação amplia essas defesas e ajuda a relaxar. No aromatizador coloque 8 gotas de aroma de cedro potencializado com as propriedades dos florais (Pomander Meditação).”

6
Pratique o silêncio e avalie 

“Apesar de não ser um período muito prolongado, o Carnaval é muito intenso e muitas histórias acontecem – boas e ruins. A melhor receita é seguir com as boas lembranças e esquecer o que não acrescentou nada. Respire fundo e aromatize o ambiente com óleo essencial de cedro, que ajuda a conectar-se com seu Eu interior.”

7
A volta à rotina 

“Ajude o corpo e a mente a retomar o curso da vida pós-carnaval. Gosto muito do floral de Bach Hornbeam, para aquelas tarefas chatas da rotina.”

8
Energia para seguir 

“Para oxigenar a mente e ter disposição física para encarar trabalho, estudo, malhação, o Floral de Bach Original Olive, aliado ao Rescue equilibrador, ajudam a deixar você no ponto.”

9
Faça planos 

“Sonhar é necessário para estimular a motivação de seguir. Depois que o carnaval passou, pense nos outros momentos de felicidade que virão e movimente-se para realizar.”

10
Estique-se 

“O alongamento, essencial para o aquecimento e relaxamento dos músculos, reduz as tensões musculares, relaxa o corpo e ativa a circulação – irá deixá-lo novinho em folha. Nesse exercíco, com seu aroma cítrico, o Pomander Concentração dará uma ajudinha.”


Enviado por: Redação
23/02/2014 - 12:00

#Ficaadica, com Carlos Tufvesson

Carlos Tufvesson, além de estar à frente da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual desde 2011, é carioca, adora o Rio. Tem participação de sucesso no “Mais Você”, de Ana Maria Braga, é querido na cidade e sabe o que acontece na Zona Norte, na Zona Sul ou em qualquer zona (no bom e no mau sentido). Pra ocupar seu cargo, é preciso ser bem informado, às vezes até de assuntos doloridos e absurdos. Não por outra razão, Carlos é um ativista-gay-incansável, na alegria e na tristeza; por isso, também entende de carnaval, principalmente dos tão falados blocos. Veja, a seguir, suas dicas do que fazer ou não fazer enquanto você se entrega aos prazeres da festa.

1
Hidratação

“Beba bastante água e menos álcool, que traz desidratação (e aquela pança desnecessária).”

2
Pele

“Filtro solar (porque ninguém merece essa calorreia).”

3
Perigo ambulante

“Tome cuidado com o que os ambulantes vendem. Limpe a lata da cerveja, olhe bem a garrafinha d’água e troque uma ideia com o vendedor do sacolé de bebidas, que todos amam no carnaval – se passar confiança…”

4
O calçado certo

“Cuidado com chinelo em multidão. Além de soltar as tiras (hehehe), a chance de um pisão acabar com a sua folia é enorme.”

5
De metrô

“Vá de metrô de um bloco para o outro. Aberto 24 horas. Não fica lotado como nos dias comuns, e os foliões são divertidíssimos fantasiados nos vagões.”

6
Fantasias leves

“Nada de fantasias pesadas, tipo urso panda, planeta dos macacos ou teletubie, todo coberto. Aproveita o tempo quente, a desinibição e abuse de decotes, shorts e um chapeuzinho leve..”

7
Nada de joias

“Evite cordões de ouro, relógios caros e acessórios que passam da casa dos quatro dígitos. É um bloco de rua, e não o Baile do Copacabana Palace. E convenhamos que não combina cair na folia toda trabalhada nas joias.”

8
Na paz

“Não brigue, não se estresse – espírito desarmado. Sorria e distribua amor. Faz um bem, e o bloco flui que é uma beleza…”

9
Informe-se!

“Consulte o guia da Riotur sobre blocos, festas e atrações, no site www.rioguiaoficial.com.br

10
Camisinha

“E o mais importante deste e de outros carnavais: camisinha no bolso”.


Enviado por: Redação
02/02/2014 - 12:00

#Ficaadica, com Juliana Piquet

É o verão mais quente dos últimos 30 anos para os cariocas, um tremendo sufoco, em que a sensação térmica atingiu incríveis 51 graus (ainda com possibilidade de esse recorde ser batido). O resultado são praias lotadas – até aquelas que, com suas águas bem poluídas, costumavam ficar meio assim… vazias. Ainda tem quase dois meses de verão pela frente, o que significa muito calor, mas também muito mergulho e muito sol. Cuidado! A exposição solar prolongada pode causar efeitos desagradáveis, desde manchas no bronzeado ao temido câncer de pele.

Todo mundo sabe disso, mas parece esquecer… Por isso, a dermatologista Juliana Piquet, querida de atrizes e modelos, traz informações importantes. Além da prevenção, a médica conta as novidades em tratamentos para quem quer atravessar o verão com a pele lisinha e saudável. Você sabia, por exemplo, que os protetores solares vendidos no Brasil têm proteção mais baixa do que o rótulo indica? Para ter o Sol como um amigo, preste atenção às dicas que Juliana traz esta semana.

1
Use chapéus e roupas com proteção solar 

“A dica é só usar roupas e chapéus que contenham o FPU 50 (índice de proteção solar dos tecidos). Eles filtram 98% da radiação, fornecendo uma proteção altíssima aos raios UV! Atualmente, existe grande variedade de modelos e cores – pra deixar todos na moda!”

2
Use filtro solar 

“Por mais óbvio que pareça, ainda há quem resista ao uso do filtro, com a desculpa de que é… melado! A diversidade de texturas disponíveis atualmente é enorme, e a dica são os últimos lançamentos com seruns de toque seco, pós e filtros com cor de base.”

3
Filtros com anti-oxidantes 

“Além da praticidade, os filtros que contêm antioxidantes em sua fórmula também  acrescentam benefícios maravilhosos, como a proteção das células de defesa da pele (que diminuem com a exposição solar) e o dano ao colágeno.”

4
Não suspenda os ácidos 

“Verão não implica na suspensão de todos os ácidos! Pelo contrário, é quando mais precisamos deles para manter a pele clara e livre de manchas. Existem ótimas opções para substituir o ácido retinóico, sem irritar a pele nem deixá-la mais sensível.”

5
 Limpeza e hidratação 

“Para limpeza do rosto, nada de sabonete ou lenços demaquilantes!  O ideal são os géis de limpeza sem sabão, os chamados syndets, que mantêm o pH fisiológico da pele e preservam a barreira cutânea. Uma ótima dica é o Cleananse, da Avene.”

6
Microagulhamento 

“Para evitar as indesejáveis manchas que aparecem nessa época do ano, uma ótima opção é associar o microagulhamento a uma máscara de vitamina C altamente concentrada. As agulhas penetram na pele, fazendo “micro furinhos” que possibilitam a penetração mais profunda da vitamina, com sua ação clareadora e anti-oxidante.”

7
Peelings superficiais

“O verão não é ideal para tratamentos agressivos, mas é preciso limpar e esfoliar a pele para retirar as células mortas, além dos restos de filtro solar. Uma alternativa são os novos tratamentos da linha profissional da Skinceuticals, disponíveis em várias clinicas. Os produtos têm altas concentrações de ativos nobres e são altamente eficazes, ajudando a limpar, renovar e clarear a pele.”

8
Flacidez facial 

“Um super tratamento que também pode ser feito essa época do ano é o  Ulthera. O equipamento usa o ultrassom focado para atingir as camadas mais profundas da pele, estimulando novas fibras de colágeno, e combatendo a flacidez. Também é muito procurado por homens.”

9
Coolsculpting 

“Este é a ultima palavra para eliminar aquelas gordurinhas indesejáveis! Desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Harvard, a máquina congela a gordura do local desejado, que depois é eliminada pela urina sem  necessidade de cirurgia.  A promessa é um resultado bem parecido com o de uma lipo.”

10
Freeze

“Ainda falando do tratamento corporal, o Freeze é excelente no combate à flacidez. O tratamento é indolor e pode ser feito o ano todo. Pode ser combinado, inclusive, com o Coolsculpting”.


Enviado por: Redação
26/01/2014 - 12:00

#Ficaadica, com César Neubert

Ele tem status de artista; afinal, poucos podem ser classificados como um “escultor de cabelos”. César Neubert, sócio do Crystal Hair, justifica o apelido. Cheio de clientes bacanas, ele faz viagens periódicas ao exterior para se atualizar, através de cursos com os maiores nomes do mercado mundial.

Especialista em visagismo – a arte de harmonizar a imagem da pessoa com a sua personalidade -, é César quem dá as dicas neste domingo (26/01). O conselho fundamental: não se apegue à sua cabeleira; cortar os fios é uma ótima maneira de inovar, rejuvenescer e apostar em novos projetos. Mas se você é uma daquelas que nunca sabem o corte a adotar, basta conferir as 10 sugestões de César para ficar de bem com o espelho.

1
Selfies

“A melhor forma de conhecer a si mesmo e o formato do seu rosto é tirando uma foto. Segure a câmera na altura do seu rosto e tire uma foto reta. Resista à tentação de sorrir para a foto. Você quer descobrir o formato do seu rosto na posição mais natural possível e sorrir dificulta isso.”

2
De olho nas celebridades 

“Você pode pesquisar fotos de celebridades que tenham o formato do rosto parecido com o seu; assim fica mais fácil buscar inspirações nos cortes que elas usam. Quando chegar a hora de ir ao salão, imprima algumas fotos dos seus cortes favoritos, para que o cabeleireiro saiba o que você tem em mente.”

3
Personalidade é tudo 

“Não adianta investir em um corte que não combine com a sua personalidade. Antes de bater o martelo e definir como vai cortar, veja se você combina com ele, se vai ‘vestir’ o visual.”

4
Descobrindo tudo sobre tudo 

“Converse com o seu cabeleireiro para obter as informações sobre a manutenção do corte. Existem cortes que precisam de cuidados especiais. Por exemplo: os curtinhos e desfiados, eles vão precisar de retoques em curto prazo, porque, ao crescer, o cabelo perde o formato do corte.”

5
Fuja da moda 

“Nem tudo que está em alta pode ser usado por todo mundo. O ideal é não seguir modas. Elas são passageiras mas podem deixar rastros devastadores.”

6
Evidencie suas qualidades 

“Existem cortes que podem evidenciar pontos do seu rosto que você gosta mais. Converse com o profissional e mostre o que você quer que seja valorizado.”

7
Esconda os defeitinhos 

“O corte pode ajudar a esconder aquela testa grande e o nariz largo. Conte tudo o que você quer esconder e passe a tesoura nos seus defeitos.”

8
Tudo é uma questão de textura 

“Se o seu cabelo é fino, com um bom corte ele pode ficar com mais volume. Se o caso é ao contrário, a tesoura também pode ajudar. Está na dúvida sobre a textura dos fios? Converse com um profissional!”

9
Combinadinho 

“Combine o corte com a cor do seu cabelo. Se você é fã de mechas californianas, os repicados serão seus aliados. Se prefere o ombré hair, invista no Long Bob.”

10
Papo de cabeleireiro 

“Pode até parecer papo de cabeleireiro, mas o cabelo precisa ser cortado de três em três meses, no máximo. Não tenha medo das tesouras, elas só querem o seu bem”.


Enviado por: Redação
12/01/2014 - 12:00

#Ficaadica, com Glória Maria

Não tem gente que é a cara disso ou daquilo? Pois Glória Maria é a cara da Globo. A jornalista, que cresceu na emissora – e conhece muito bem tudo ali -, atualmente apresentando o Globo Repórter com Sérgio Chapelin, anda numa ótima fase, dedicada, antes de tudo, a ser mãe. Atingiu o máximo do amor com as duas meninas, Laura e Maria, baianas, adotadas por ela em 2009. Os laços são absolutos, a ponto de parecer ter criado até uma certa semelhança física – é o que muitos comentam. Glória, que vivia em festas tanto no Brasil quanto em Nova York, Saint-Tropez ou qualquer lugar, acalmou o espírito, digamos assim. A virada deste ano, por exemplo, hospedou-se com a família no Copacabana Palace e lá ficou discretinha, às voltas com babás e “bebês”, sem artificialidades. A alegria, como sua idade, não muda nunca, ou, se muda, ninguém sabe; e o humor, também. Leia suas dicas para um ano novo mais leve:

1
Não se preocupar com a vida dos outros 

“Desejo um ano novo mais leve pra todo mundo, mostrando o nosso lado mais bacana, respeitando e gostando mais de si, sem se preocupar com as coisas menores, deixando de se preocupar mais com a vida dos outros, deixando de se preocupar com o que não tem importância.”

2
Homem com homem, mulher com mulher, concretize 

“Que cada um faça aquilo que considera importante, seja o que for: namorar, casar, viajar, trabalhar, transar homem com homem, transar mulher com mulher. Concretize o que você ache ser dar um passo – viver e deixar viver.”

3
Chocada com a caretice 

“Fazer tudo aquilo que te deixe feliz, seja sozinha ou acompanhada. Ando chocada com a caretice do mundo. Vivi os anos 1970 e 1980, quando ninguém era de ninguém, todo mundo podia tudo. Fico louca quando leio nos sites, por exemplo, que alguém usou uma saia curta, tira a saia, anda pelado. Por que, não?”

4
Vamos fazer 

“Ter determinação – não deixe que nada te tire do foco. Seja para o que for, vamos fazer!”

5
Pra que ser correto? 

“Vamos acabar com essa chatice do politicamente correto: vamos rir, zoar, falar mal. Pra que ser correto? Tem é que ser honesto. Não quero regras; deixemos isso pros suíços, que são tristes e entediados.”

6
Pra que entender as mulheres? 

“Parar de querer entender as mulheres; basta conviver bem. Pra que entender? Não há Freud que consiga.”

7
Multiplicidade

“Quero diversificar tudo e esquecer as ideias preconcebidas, do preto, do branco, do rosa… O mundo é a multiplicidade!”

8
Sair da câmera de tortura 

“O tempo é de ficar bonita sem tanto sacrifício, atualmente até homem se depila! Em vez de ficar entrando no forno e ficar dando choque na bunda, vamos sair da câmara de tortura.”

9
Mais conteúdo nas coisas 

“Início de ano é hora de botar mais qualidade e conteúdo nas coisas – tudo anda menor, música, arte, cultura – tudo.”

10
Exercitar o amor 

“Vamos exercitar o amor sem entendimento. Esquecer as ideias pré-concebidas.”


Enviado por: Redação
Página 1 de 812345Última »