De próprio punho, por Paula Bergamin: musa da Vila Isabel, 58 anos, não pensa em parar tão cedo 

Como gaúcha de nascimento, descendente de alemães, poloneses e portugueses, o carnaval para mim poderia ser uma realidade distante, mas tem sido bem o contrário! Desde criança, eu tinha um amor platônico pelo maior espetáculo da Terra. Assistia a todos os desfiles grudada na TV até de  madrugada e, quando aparecia a cantora Rosemary, eu ficava…