Paris, por Paulo Pereira

24/10/2018 - 11:00

Para você, que é notívago e que adora o clima de bares, aí vai uma ótima dica em Paris. Três bares parisienses estão entre os melhores do mundo, eleitos por uma academia de mais de 400 membros em Londres. Le Syndicat Cocktail Club, um clube intimista bem no espírito francês.

51 Rue du Faubourg Saint-Denis, 75010 Paris
______________________________________________________________________________

Little Red Door, um bar chique parisiense com espírito nova-iorquino, muito bem frequentado, com deliciosos e surpreendentes coquetéis.

60 Rue Charlot, 75003 Paris
___________________________________________________________________________

O Candelaria, um delicioso e festivo bistrô mexicano com tapas e coquetéis deliciosos.

52 Rue de Saintonge, 75003 Paris
__________________________________________________________________________________________

Pra você, que ama Paris e balé, esta é uma excelente oportunidade. O Ballet Nacional da China apresenta, na Seine Musicale, em Paris, o lindo espetáculo “Quebra-Nozes”, com mais de 70 bailarinos e um cenário maravilhoso. O “Quebra-Nozes” de Tchaikovski, desde que foi interpretado pela primeira vez em 18 de dezembro de 1892, nunca perdeu seu encanto, tornando-se um dos espetáculos de dança mais prestigiosos do mundo.

Até 04 de novembro
La Seine Musicale, Île Seguin, 92100 Boulogne-Billancourt
____________________________________________________________________________

Para a alegria de várias mulheres, gays e afins, foi lançado o calendário “Dieux du Stade/2019″. Nesta nova versão, os atletas são todos Rugbmen e tem uma cenografia dedicada aos deuses do Olimpo. Quem assina esta edição é o fotógrafo internacional Ludovic Baron, que criou um calendário grandioso com corpos igualmente grandiosos.
Desde que foi lançado por Max Guazzini, em 2001, o calendário é um sucesso de venda. Toda a renda vai pra uma associação caritativa.
_____________________________________________________________________________

O Centre Pompidou, em Paris, apresenta uma exposição dedicada ao Cubismo, um dos movimentos fundadores da história da arte moderna, que influenciou vários artistas, como Picasso, Francis Picabia, Georges Braque, entre outros. A última vez que houve uma exposição desse momento da arte moderna em Paris foi em 1953. A mise-en-scène realça a cronologia, riqueza e o fusionamento cultural do movimento cubista. Imperdível!

Até 25 de fevereiro de 2019
Place Georges Pompidou, 75004 Paris
_______________________________________________________________________________

Visite também parisporpaulopereira.com
Instagram: @parisporpaulopereira
______________________________________________________________________________

Share
Enviado por: Redação

Os comentários estão fechados.


SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline