De próprio punho, por Sergio Zobaran (galerista): “Na minha volta ao Rio, depois de quase duas décadas em SP, reencontrei a arte exposta na cidade”

Vivi uma infância no Rio, próximo a galerias de arte. A meia quadra do prédio da minha avó, em Copacabana, tinha a Bonino, com sua imensa fachada de vidro, um projeto incrível de Sérgio Bernardes. E, a caminho do colégio, em Ipanema, uma casa que lembro, antiguinha, abrigava a Galeria Goeldi, com suas gravuras muito…