paixao-imperial-a

Sem verba para o carnaval, as escolas de samba cariocas estão se virando como podem para levar um belo espetáculo para a Sapucaí a 36 dias da folia. É o que acontece com a Império da Tijuca, que abriu, nessa terça-feira (02/01), uma conta na plataforma virtual “Vakinha”, de financiamento coletivo, com o título “Campanha Paixão Imperial”, que vai até o dia 9 de fevereiro. O preparativo para este ano é o mais difícil da história da agremiação. “Não recebemos, até hoje, nenhum tipo de verba da Prefeitura. A subvenção, que sofreria um corte de 50%, não foi paga, e o contrato para o carnaval 2018 ainda não foi assinado. A escola movimenta atualmente barracão e ateliês com a verba recebida pela emissora de TV que detém os direitos de transmissão do desfile, mas cobre apenas 8% do orçamento total”, explica o presidente Antônio Marcos Teles, o Te. “Nosso objetivo é buscar o título e retornar de onde não deveríamos ter saído”. No site da Império, tem uma lista de material para finalizações de alegorias e ateliês que também poderão ser doados diretamente no barracão, no Catumbi, atrás dos Arcos da Apoteose.

Share
Enviado por: Redação

Os comentários estão fechados.


SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline