De próprio punho, por Adriana Bechara (jornalista): as mudanças que a Covid trouxe à vida da (agora) ex-editora de moda

  Acredito que cada um tem seu tempo para entender as mudanças do mundo e para dimensioná-las também. A chegada do coronavírus, de imediato, pra mim, foi acachapante. Percebi que o mundo estava entrando numa outra esfera de (im) possibilidades, (in) consciências e (in) variáveis fora dos nossos planinhos cotidianos. Fiquei obcecada com o noticiário,…

Amanda Sequin, da “Casa Vogue Brasil”, media live no Instagram da construtora Mozak (@mozakempreendimentos), nesta sexta (03/07), às 14h. Ela entrevista o arquiteto Guilherme Torres sobre o projeto “NOVE”, em Ipanema

Na segunda (06/07), o contrabaixista da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio, Tony Botelho, participa da Campanha #AulaEmCasa, que reúne os especialistas do Municipal para dar aulas online sobre assuntos variados, às 14h, no Instagram @theatromunicipalrj.

No sábado (04/07), Elza Soares faz sarau intimista com participação do rapper Flávio Renegado, na série Música #EmCasaComSesc, a partir das 19h. 

Nesta quarta (01/07), a atriz Débora Falabella apresenta um fragmento da peça “O Amor e Outros Estranhos Rumores”, do Grupo 3 de Teatro, no #EmCasaComSesc. Para isso, o texto recebeu nova adaptação de Silvia Gomez, direção de Yara de Novaes e luz de Gabriel Fontes Paiva. A encenação contará com participação especial de Gustavo Vaz,…

Meio ambiente, por Mario Moscatelli: “Como manter a sanidade num lugar chamado Brasil?”

O termo sanidade já é, por si só, controverso visto que, até certo ponto, o conceito depende da aceitação social/cultural de determinado conjunto de comportamentos amplamente aceito por algumas sociedades, enquanto para outras, considerado um absurdo, uma anomalia, um desvio inaceitável punível até com a morte. Todavia, ultrapassadas essas diferenciações geográficas e culturais, olhando exclusivamente…

Opinião, por Christiano Ramalho (chef): “Políticas de ajuda foram ventiladas, mas nunca chegaram à ponta. É fatal e é urgente. Precisamos seguir”  

Donos de restaurante, chefs e empresas diretamente ligadas, não conseguem manter-se ativos com a política de governo atual. Quase ninguém tem caixa para se manter fechado — só com delivery, que representa 30-40% do faturamento. Depois de quatro meses, muito poucos empresários conseguiram alguma forma de empréstimos com taxas possíveis para um negócio se sustentar,…