Roteiro de ‘Flores Raras’ é premiado pela ABL

Nessa quinta-feira(17/07), nas comemorações dos 117 anos da Academia Brasileira de Letras, a turma das artes também bateu ponto. Entre as muitas categorias premiadas pela Academia estava a de Roteiro, vencida por Matthew Chapman e Julie Sayres, autores do roteiro de “Flores Raras”, filme dirigido por Bruno Barreto. O diretor foi com a mulher, Lisa…

Festa alemã: camisa gigante e mais de 4 mil cervejas

E a animação alemã pela conquista do teatracampeonato na Copa do Mundo continua. Uma camisa gigante da seleção da Alemanha, medindo 16 metros de comprimento por 10 metros de largura, foi pendurada, nesta tarde de terça-feira (15/07), na fachada da Casa Europa, sede do consulado da Alemanha. Funcionários se reuniram, nessa segunda (14/07), para pintar…

Você é amigo da Lucia? Sabe o que é comer bem

Se você é amigo de Lucia Guanabara, seguramente come muito bem pelo menos uma vez por ano (rs). Josa Nascimento Brito sempre oferece jantares inesquecíveis à namorada, pelo seu aniversário. Ano passado, foi o chef francês Remy Giraud, duas estrelas no Michelin, que veio ao Rio exclusivamente para assinar o jantar de aniversário de Lucia.…

Casa Taittinger se despede do Rio

Aconteceu, esse sábado (12/07), a última das muitas recepções que o presidente da Taittinger, Pierre-Emmanuel Taittinger, e seu filho, Clovis, deram na mansão da Gávea que pertence à ex-jogadora de vôlei Isabel Salgado, para divulgar melhor o famoso champanhe da marca, que é o champanhe oficial da Copa do Mundo. Apesar da importância da empresa…

Camarote para o Pelé na casa dos Monteiro de Carvalho

Lilibeth Monteiro de Carvalho emprestou o casarão de Santa Teresa ao artista plástico Romero Britto (de quem gosta muito), para um evento da Hublot, neste sábado (12/07). Romero tem uma parceria com a marca. Ao chegar de uma viagem longa com o namorado, Vincent Kieffer, Lilibeth soube que a lista de convidados já passa de 400…

A noite em que ninguém tossiu no Municipal

O maestro Gustavo Dudamel, regendo a Sinfônica Simón Bolívar, nessa quinta-feira (10/07),  conseguiu o que parecia impossível no Teatro Municipal: ninguém tossiu, pigarreou, nenhum celular tocou e nenhum barulho de papel de bala foi ouvido durante uma hora e vinte minutos de duração da Sinfonia de Mahler nº 9. A apresentação foi tão fora do…