Rio: a pandemia da ignorância e do lixo?

O feriadão de sol foi mais um episódio daqueles de vergonha. Praias lotadas (mesmo com as proibições), e o carioca tornando-se um amigo íntimo do corona. As imagens parecem até uma rave da Covid: todo. mundo aglomerado, um mar de gente, nada de máscara… uma festa pro vírus. Pra piorar, não bastasse a pandemia da…

Opinião, por Roberta Niemeyer (empresária de festas infantis): “Fui a primeira a criar protocolo pra mostrar que a gente consegue brincar com segurança”

Foram dias difíceis. Estava acostumada a conviver, todo mês, com cerca de 6 mil pessoas felizes da vida, divertindo-se a valer. De uma hora pra outra, estava cercada apenas por quatro: marido e filhas. Se, por um lado, foi bom porque nos aproximou ainda mais, por outro, trouxe ansiedade, preocupação, medo e insegurança. E agora?…