De Próprio Punho, por Ludmilla Soeiro (chef): “Um motorista gritou: ‘Sai daí, sua gorda!’ Já magra, outro grita: ‘Sai daí, sua velha!’ Vamos ser gente que vive sem machucar”

Depois de quase 20 anos de Zuka, acompanhei o seu final, abatido pelos efeitos da pandemia. Foi um estado de estripação. Afinal, foram muitos anos, e aprendi a ser chef em uma estrutura grande e bem organizada. Mas eu já vivia um luto há algum tempo, e almejava novos rumos. Então, bem rápido, literalmente em 24…