marques-da-sapucaia

Vinícius Nunes, professor de Geografia, morador da Baixada Fluminense e um apaixonado pelo samba, nunca imaginou que seu evento “O ensaio é nosso, mas é por direito!”, postado em sua página no Facebook, e marcado para acontecer neste domingo (07/01), na Marquês de Sapucaí, causaria tanto alvoroço. Com mais de 10 mil pessoas interessadas e quase cinco mil confirmadas, o evento surgiu como uma brincadeira entre amigos para forçar um ensaio técnico no Sambódromo – é que a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) suspendeu os ensaios técnicos.

“O evento começou a ser compartilhado e percebemos que as pessoas precisam dessa ‘manifestação’. Agora procuro apoio para colocar um carro de som. A ideia é gritar e chamar a atenção não só para esse discurso demagogo e intolerante dessa Prefeitura, mas também mostrar à Liesa o quanto isso atinge a folia”, diz Vinícius. “Desistir dos ensaios não fere só as escolas de samba como também as pessoas que vivem do carnaval próximo ao Sambódromo, o tio do isopor, a tia da empada, o carinha que vende pipoca”. Segundo o convite, o Morro da Mangueira vai descer, o São Carlos vai invadir, o Borel e Salgueiro vão aplaudir, o povo de Madureira já vai chegar sambando. Você, da Zona Sul, também é convidado, mas venha sem medo – é carnaval!”

Share
Enviado por: Redação

Os comentários estão fechados.


SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline