“Em qualquer ambiente mandar enfiar algo no cu é considerado agressão das graves — vai muito além de boas maneiras. Que um deputado, cujo salário é pago por toda a população o faça, mandando a mesma enfiar no ânus a máscara (única proteção acessível em meio a uma tragédia sanitária), é inadmissível e repugnante. Temos sido sistematicamente agredidos por esses abusos de poder, impunidade e absoluta falta de educação e empatia”.

Da consultora de etiqueta e comportamento Claudia Matarazzo sobre a fixação dos Bolsonaros com o termo “enfia no rabo”.

Leia Mais

“Pela primeira vez na vida, não trabalhei em um carnaval e não estou gostando nada. Aproveitei esses dias para ocupar a minha cabeça, para não pensar na tristeza de ver o Rio sem carnaval, de ver a mim mesmo, sem o carnaval. Nas ruas, as pessoas pedem para eu repetir em voz alta: ’10…nota 10!’. É difícil. Nunca imaginei que fosse viver isso na minha vida”.

Do jornalista Jorge Perlingeiro, há 29 anos o locutor oficial da apuração dos desfiles das escolas de samba do Rio,…

Leia Mais