Sete perguntas para João de Orleans e Bragança (empresário), sobre Petrópolis, fundada por seu trisavô, Dom Pedro II: “Os políticos são os grandes culpados dessa tragédia”

Se o assunto é Petrópolis, temas ligados à Família Real sempre entram em cena, como esta semana, com a tragédia das chuvas, com mais de 140 mortos até este domingo (20/02). E olha que o Brasil deixou de ser Império em 1889, com a Proclamação da República. Ainda assim,  Petrópolis é conhecida como a Cidade Imperial, fundada…

Dez perguntas para Bernardo Amaral (sócio do Qualistage): “Ser filho de Ricardo e Gisella é um orgulho, e só me abriu portas”

Pode-se dizer que Bernardo é o mais discreto da famosa família Amaral. Está longe de herdar o trono do pai, o “Rei da noite” Ricardo Amaral, a energia social da mãe, um dos maiores nomes da sociedade carioca, Gisella Amaral (1941-2019), e a vocação festeira do irmão, o empresário Rick Amaral. Até mesmo antes de se formar pela primeira turma de Marketing…

Nove perguntas para Heloísa de Carvalho (ativista social, sobre seu pai, Olavo de Carvalho): “Eu virei o espermatozoide extraviado”

O filósofo Olavo de Carvalho (1947-2022) continua vivíssimo, mesmo depois da sua morte, aos 74 anos, na última segunda (24/01), nos EUA. O nome do ex-guru bolsonarista, astrólogo de formação, segue em alta, também nas redes sociais, principalmente no perfil de sua filha, a mais velha dos oito, a ativista social, dona de casa e…

Dez perguntas para Isabel Diegues (sobre o documentário da vida de Nara Leão, sua mãe): “Não temos o costume de celebrar nossas próprias riquezas”

Vendo “O canto livre de Nara Leão”, sobre a vida da cantora, a gente pode imaginar, sentir, sorrir, chorar e até fazer o tempo voltar, quando o Rio parecia ser uma cidade tão doce. Nos cinco episódios, vemos a carreira da “Musa da Bossa Nova”, que, na verdade, foi muito além disso, trazendo em si uma personalidade surpreendente:…

Nove perguntas para Ana Carolina Souza (neurocientista comportamental): “Pessoas que têm depressão, ansiedade e estresse não são mais frágeis; isso não faz o menor sentido”

Já deu aquela surtada sem saber direito de onde surgiu? Mas, se o pico de estresse é recorrente, principalmente no trabalho, melhor acender a luz amarela — não é mi-mi-mi. A síndrome de burnout passou a ser considerada doença ocupacional no primeiro dia de 2022, depois de incluída na Classificação Internacional de Doenças (CID) da Organização Mundial…

Sete perguntas para Cristiano Chame (diretor do Miguel Couto), sobre emergência, covid, ômicron: “Nunca vivi um período tão difícil”

Para o Hospital Municipal Miguel Couto, no Leblon, que completou 85 anos em 2021, um dos hospitais-referência no Rio, convergem as mais variadas dores, digamos assim: do físico ao espírito, acentuado na pandemia. Conversamos com o  diretor-geral, o ortopedista Cristiano Cúrcio Chame, de 42 anos, para saber a quantas anda a emergência de um grande hospital público como o…

Dez perguntas para Beatriz Breves (psicanalista): “O que vai determinar se um sentimento terá efeito negativo ou positivo será o uso que a pessoa fará dele”

O ano de 2021 foi dolorido para a maioria: inflação alta, renda média no menor nível da década, segundo o IBGE, 13 milhões de desempregados, insegurança alimentar, luto pelas perdas com a covid, o surgimento da cepa ômicron, que fez cidades do País inteiro cancelarem as festas de fim de ano, assim como vários países e…

Dez perguntas para Luiz Guilherme Niemeyer (produtor cultural): “Existe uma demanda reprimida, mas o cenário de eventos ainda é de incerteza”

“Administrar crises” é passado para a nova geração de produtores de eventos. Assim como a extinção da tríade sexo, drogas e rock’n’roll nos bastidores do mundo do entretenimento, os nomes por trás de grandes shows e festas preferem a discrição e pensam muito mais em sustentabilidade do que qualquer ministro do Meio Ambiente, se é que…

Dez perguntas para Carlos Prazeres (maestro da OSBA): “A Bahia sempre foi vanguarda. Basta lembrar que foi aqui que nasceu a Tropicália”

Gostar de música clássica deixou de ser uma caretice para gerações mais novas. Isso, pelos maestros de vanguarda, como o carioca Carlos Prazeres, 47 anos, o Kiko, regente titular e diretor artístico da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA). Essa democratização da música de concerto vem de família: o irmão Felipe Prazeres, spalla da OPES, também…

Oito perguntas para Adriana Mattar (banqueteira): “As pessoas perceberam o prazer de fazer eventos menores”

  O Cooking Buffet, em Botafogo, de Adriana Mattar e Ana Cecília Gross, com 22 anos de alto conceito no mercado carioca, passou por recentes adaptações, como todos que atuam nessa área. Conversamos com Adriana sobre as mudanças, as quais a empresa já se adaptou muito bem: “Expandimos o nosso delivery Cooking to Go, permanecemos sempre bastante ocupados…