“Vou procurar em algum museu”. Do bem-humorado Olavo Monteiro de Carvalho, nesta segunda-feira, ao lhe pedirem uma foto quando criança, para uma galeria de fotos.

“Enquanto não casar com um banqueiro rico, vou ter que ralar muito!”. De Luiza Brunet, nessa quarta-feira, de brincadeirinha, ao comentar sobre sua viagem à Bahia, no próximo fim de semana, quando uma amiga perguntou se seria para descansar.

“Quem sou eu pra pegar aquele mulherão!” Do banqueiro Luis Octávio Indio da Costa, nesta quarta-feira, desmentindo rumores sobre romance com Luiza Brunet.

“Coloquei os dedos num lugar errado”. De Carolina Herrera, nesta terça-feira, no Shopping Leblon, ao lhe perguntarem o que teria causado o machucado em seus dedos, dois deles roxos e imobilizados.

“Não resisti e dei uma olhada em “A Fazenda”, estreia da Record. Meu Deus! É ruim pra ‘carago’. Justamente por isso vai bombar! Por que vai bombar? Porque os eleitores de Tiririca têm uma atração pelo que não presta e adoram ver a desgraça alheia.” Do novelista Aguinaldo Silva, nesta quarta-feira, sobre o reality show…

“Algum pichador colocou bigode e cavanhaque num poster da Dilma que eu acabei de ver. Ficou bem mais feminina”. Do humorista Rafinha Bastos, nesta terça-feira, em seu Twitter, abusando da liberação da censura em época de eleição.

“Casar é complicado e engordativo.” Da socialite paulista Joana Trabulsi, nesta segunda-feira, pronta para mais uma degustação de comidinhas do casamento de sua irmã, Paula Trabulsi com José Pessoa de Queiroz, em outubro.

“Eu ganhei a tal pulseira Power Balance. Ainda não usei. Tô com medo de desequilibrar de vez…”. De Betty Lago, nesta quarta-feira, sobre o novo acessório, que promete milagres para o equilíbrio do corpo.