SOCIEDADE DOENTE…

Por Ary Alonso (Coaching espiritual) O que é uma sociedade doente, afinal? Como disse a leitora Teresa, comentando o texto “SER PARTE DO GRUPO…”, não é possível imaginar uma cidade ou um país melhor sem melhorarmos cada um de nós. Basicamente, ficamos doentes quando bancamos “crianças malcriadas” e fazemos tudo que temos vontade sem respeitar…

SER PARTE DO GRUPO…

Por Ary Alonso (Coaching espiritual) Como nossas células, temos necessidade de nos agrupar: casais, família, amigos, companheiros de trabalho ou estudo e assim por diante, até chegarmos às cidades e nações. Sabemos agora que isso não é, na verdade, uma escolha, é a natureza que nos governa: causa e efeito. Para sobreviver (efeito), precisamos nos unir…

LUA DE CÂNCER

Por Ary Alonso (Coach espiritual) Estamos entrando em um novo período lunar. Como já entendemos, a cada Lua, sofremos influências em nossas vidas, de acordo com as mudanças cósmicas. Assim, cada um de nós estará um pouco canceriano nas próximas quatro semanas. Talvez o maior ensinamento que o universo – a Alma – nos passa…

DAR E RECEBER, A ORIGEM…

Por Ary Alonso (Coaching espiritual) Explica a ciência, mas, naturalmente, não na primeira página, por que é mais interessante conhecer falcatruas de algum jogador de futubol do que saber como se deu a criação e evolução de todas as espécies a partir do esfriamento da Terra. Desde as partículas primordiais, funcionamos com desejos de dar…

SEXO 24 HORAS

Por Ary Alonso (Coaching espiritualista) Escrevo, olhando para um anúncio na minha tela de computador que promete mais sexo no filme “Sex and the city 2”. Penso que, afinal, é o nome da série original – nada mais óbvio do que o segundo ter mais do que o primeiro. Já temos Banco 30 horas. Imagino…

PERGUNTAS E RESPOSTAS

Por Ary Alonso (Coaching Espiritual) Normalmente, damos mais atenção às respostas e não cuidamos de fazer as perguntas que importam. É uma forma de evitar olhar para as verdadeiras questões na nossa vida. Quando olhamos para os resultados, estamos vendo os efeitos das causas que criamos. Para entender a origem dos nossos processos, devemos verificar…