Oito perguntas para Ludhmila Hajjar (cardiologista): “Não tenho nenhum arrependimento de não ter sido Ministra da Saúde”

Nome do mais elevado conceito em sua área, a cardiologista Ludhmila Hajjar é médica do Instituto do Coração, professora da USP, uma das diretoras do Instituto Brasileiro de Cardiologia, entre outros postos, teve seu nome cotado para ministra da Saúde duas vezes, tanto para substituir Luiz Henrique Mandetta quanto Eduardo Pazuello. À época, Ludhmila declarou ter recusado por não se “alinhar”…

Opinião, por Eduardo Affonso: As coisas indizíveis

Acho divertido o jeito americano de dizer as coisas eufemisticamente — ou seja, sem dizer.   Usam “f*ck*ng” como se fosse vogal, mas se abespinham todos para o que, aqui, tiramos de letra.  Aliás, lá é que eles tiram, literalmente, de letra.  Câncer é “C-word”, lésbica é “L-word” — como se a neoplasia e a mulher que…