Opinião, por Eduardo Affonso: trocando ideias

  Na adolescência (milênio passado) a vida modorrenta em cidadezinha do interior me empurrou para uma prática já extinta, a de ter amigos por correspondência, também conhecidos como penpals. Sim, já usávamos anglicismos desnecessários, mas não do jeito over de hoje — a coisa era bem mais light. O intercâmbio epistolar, além de exercitar o inglês…