Meio Ambiente, por Mario Moscatelli: “Trinta anos depois, olho para os frangos d’água, socós, socozinhos e as mudas da Lagoa, lembrando de onde cada uma veio”

Existem momentos dramáticos em nossas vidas. Momentos em que você sente claramente que está numa encruzilhada. Você sabe o que quer, mas reconhece os perigos iminentes de continuar naquele caminho e as consequências definitivas, terminais num lugar onde a vida, dependendo dos interesses contrariados, não vale absolutamente nada. Era assim que eu estava naquela tarde fria…