01/11/2018 - 19:40

O religioso Crivellla peca falando mal de Paes pelas costas

Marcelo Crivella X Eduardo Paes: atual prefeito entregou o “RioCard Mais” nesta quinta-feira (01/11), e criticou a gestão anterior /Fotos: Reprodução e Divulgação

Nesta quinta-feira (01/10), ao apresentar o “RioCard Mais” no Palácio da Cidade, em Botafogo, olha o que Marcelo Crivella disse da gestão anterior: “O governo passado foi o do PAC Carioca, o Plano de Aceleração da Corrupção e Custeio. Houve uma ambição insaciável, trágica, uma roubalheira que a todos humilhava. Isso já era. O Rio agora marcha com bravura, dignidade, com verdade. Acabou a caixa preta dos ônibus”, disse. Alguém cochichou: “Só falta marchar com saúde, emprego, segurança e cuidar-das-pessoas” (bordão usado pelo prefeito). Eduardo Paes estava ausente. A propósito: Crivella, tão religioso, desrespeitou algumas passagens da Bíblia como “Não julgar ou falar mal dos irmãos”. Quanto ao “RioCard Mais” é um novo conceito de pagamento de passagens em transportes públicos (o cartão serve para débito pré-pago e, uma vez abastecido, pode ser usado para pagar despesas cotidianas). O novo cartão começa a circular ano que vem.  


Enviado por: Lu Lacerda
01/11/2018 - 18:00

A festa do Prêmio Estácio de Jornalismo

Érika Mader, Pedro Thompson, Cláudia Romano e Flávio Canto /Foto: Divulgação

Cláudia Romano, Érika Mader e Flávio Canto, entre o casal Patricia Alencar e Marco Antônio Alencar /Foto:Divulgação

O deputado federal Marcelo Calero e a professora Vera Salvador – O jornanista da CBN Marcelo Henrique Andrade, com o premio pela reportagem “Trans: O difícil caminho para a educação” e Tony Bellotto /Foto: Divulgação

Érika Mader, Malu Mader e Cláudia Romano /Foto: Divulgação

Marcelo Calero, Pedro Thompson, Tony Bellotto e Paulo Ricardo /Foto: Divulgação

Por mais que o cara seja fera (ou assim se imagina), dá até para aprender algumas lições ao ouvir os concorrentes do Prêmio Estácio de Jornalismo – este ano, em sua oitava edição, no Hilton Copacabana. Ali é percebido o amor à profissão, à ética, à carreira em si quando muitos estão suscetíveis à emoção da vitória; mas todos os participantes são notados em algum momento, mesmo que por um instante, quando seu trabalho é apreciado no telão. Enquanto isso, no palco, os apresentadores Flávio Canto e Érika Mader, deixando notar algum prazer, nada daqueles engessados que a gente vê por aí.

Estácio, ali representada por Pedro Thompson, presidente, e Cláudia Romano, vice-presidente de Relações Institucionais e Sustentabilidade, premia as produções jornalísticas de todo o País. “Hoje é dia de prestigiarmos o trabalho de profissionais comprometidos com a busca de informações consistentes, com apuração criteriosa e, especialmente, dedicados a contar boas histórias”, disse ele, enquanto ela afirmava: “A Estácio tem a preocupação de envolver seus alunos em projetos ligados à cultura, cidadania, esporte e entretenimento para que eles possam viver na prática suas futuras profissões. Assim, garantimos uma formação mais completa e voltada ao mercado de trabalho a esses jovens”.

O prêmio teve 24 finalistas, que concorreram nas categorias Internet, impresso, TV e rádio, nas modalidades regional e nacional. A reportagem premiada foi “Abandonadas, assim caminham as escolas com as piores notas do Enem”, do portal Metrópoles, de Brasília. Num vaivém intenso entre alunos, professores e convidados, desfilavam nomes conhecidos, tais como:a atriz Malu Mader, o músico Tony Bellotto, o deputado federal Marcelo Calero e muitos nomes da imprensa. Entre os mais cumprimentados, a professora Vera Salvador, quase uma unanimidade. Depois do relaxamento das tensões, chegou a hora da festa, com show de Paulo Ricardo


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 16:30

J.K. Rowling: escritora deixa fãs brasileiros histéricos

J.K. Rowling: escritora deixa fãs brasileiros tensos com possibilidade de gravação de filme no Rio /Foto: Reprodução

A escritora britânica J.K. Rowling, da franquia Harry Potter, simplesmente deixou os fãs brasileiros histéricos nesta quinta-feira (01/11), ao postar uma foto do Rio dos anos 1930 como imagem de capa do Twitter. Quando um dos seguidores perguntou de onde era a imagem, ela respondeu “Rio ‘da’ Janeiro”, e depois de ser corrigida, pediu desculpas: “Vamos dizer que eu deveria saber escrever Rio de Janeiro corretamente, considerando quantas vezes eu escrevi/digitei nos últimos meses”. Bastou para a escritora receber milhares de mensagens – segundo especulações, existe a possibilidade de um dos cinco filmes da série “Animais Fantásticos”, outro sucesso editoral que virou filme, se passar no Brasil. O primeiro foi lançado em 2016, com o título “Animais fantásticos e onde habitam”; o segundo, “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald”, tem estreia para o dia 15 deste mês.  

E claro, os brasileiros, piadistas que são, começaram a dar ideias de nomes para títulos, como “Sacis Pererês fantásticos e onde habitam”, ou pegando carona na política do País, que mais parece ficção, indicaram “Malandros fantásticos habitam no Brasil”, e teve até gente indicando a atriz Fernanda Montenegro para um papel. Mas ela deu uma desconversada: “É muito cedo para estragar tudo. O que posso dizer é que iremos para, pelo menos, uma nova cidade no próximo filme, possivelmente duas. Estou ansiosa para sair da Europa e da América do Norte. Mas vocês terão que esperar pra ver”. 


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 16:15

Com valores a partir de R$ 33 mil, a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio (Liesa), vai começar a receber, dia 6 de novembro, os pedidos de reservas dos camarotes e boxes especiais para os desfiles do Carnaval 2019, que acontecem nos dias 03 e 04 de março, além do sábado das campeãs, 09. Interessados podem encaminhar os pedidos através do fax (21) 3032-0099, entre 9h e 13h.


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 15:30

Paraíso do Tuiuti: festa de passistas

Encontro de passistas: Paraíso do Tuiuti faz festa para homenagear uma das alas mais relevantes do carnaval /Foto: Reprodução

A escola de samba Paraíso do Tuiuti, que ficou para a história com as críticas às reformas trabalhistas e da Previdência este ano, vai fazer uma festa para reunir as integrantes das alas de passistas de todas as agremiações do Rio e de outros estados, o “Quintal dos passistas”, no dia 25 de novembro, no Campo de São Cristóvão. Vai ser uma surra de samba no pé e profusão de coxas grossas e bumbum-na-nuca, tudo para valorizar uma das alas mais tradicionais do carnaval, segundo o passista Alex Coutinho, organizador do encontro. Outro nome bem conhecido da folia carioca, Milton Cunha, vai ser o mestre de cerimônias do evento, que também terá show da bateria “Super Som”, do mestre Ricardinho e do intérprete Celsinho Mody. A expectativa é de duas mil pessoas.


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 14:00

A 4ª edição do “Cantores do Bem” no Copa

Alguns dos “Cantores do Bem” (em ordem alfabética, da esquerda para direita): Ana Cristina Villaça, Andréa Natal, Bete Floris, Fernanda Lynch, Jayme Drummond e Priscilla Levinsohn. Dos outros participantes, não temos imagens /Fotos: Arquivo site Lu Lacerda

Um ‘cineminha’ pra você dos próximos “Cantores do Bem” que participam da 4ª edição do evento, no Copacabana Palace, dia 9 de novembro. Criado por Andrea Natal, já é praticamente uma tradição, com muitos rostos conhecidos da coluna mostrando talento com o microfone. Depois, tem o jantar beneficente assinado pelo chef de Luiz Guilherme Cyrino, para arrecadar fundos para o Solar Meninos de Luz, que atua nas comunidades do Pavão-Pavãozinho e Cantagalo. Vamos aos cantores de ocasião, por ordem alfabética: Alexandre Sendas, Ana Cristina Villaça, Andréa Natal, Bete Floris, Fernanda Lynch, Jayme Drummond, Pedro Costa, Priscilla Levinsohn e Silvia Costa. Na sequência, o DJ Papagaio assume o comando da festa nos salões. Os ingressos para o jantar já estão esgotados, mas quem quiser assistir o show, pode entrar a partir das 22h com ingressos a R$ 200 com direito a open bar.


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 12:40

Cariocas intrigados com elefantinhos acorrentados

A elefoa Brenda (Luca Ewbank), no Pão de Açúcar, chama atenção com a plaquinha “Dezenas vivem presos em condições precárias no Brasil” /Foto: Gianne Carvalho

Na Lapa está o “Saideira” (Renan Cristian) /Foto: Gianne Carvalho

No calçadão de Copa, a artista Linda Valente chamou sua escultura de “Uma tarde de domingo”, com paisagens da cidade e a plaquinha de “estressados e amedrontados” /Foto: Gianne Carvalho

No Baixo Leblon, ali pertinho da Pizzaria Guanabara, está o “Bob, o carioca”. o elefante boêmio da artista Mariana Revelles /Foto: Gianne Carvalho

Na Vieira Souto com Joana Angélica, em Ipanema, o elefantinho Âmago Aberto (de Guinr) toma conta da calçada /Foto: Gianne Carvalho

Muitos cariocas foram atraídos pelas esculturas de elefantinhos acorrentados, parte da “Elephant Parade Rio”, que estão em lugares estratégicos dos bairros da cidade, desde a manhã desta quinta-feira (01/11). Os turistas que visitam o Pão de Açúcar vão ter a companhia de Brenda (do artista Luca Ewbank), com seu olhar triste, carregando a placa “dezenas vivem presos em condições precárias no Brasil”; na Lapa, pertinho dos Arcos, o Saideira (de Renan Cristian), com a plaquinha avisando que seus coleguinhas são “solitários e sedentários”, vivendo em ambientes sem o devido espaço; e por aí vai.

Entre quase 60 bichinhos, sete deles estão amarrados por correntes, numa ação do licor Amarula em parceria com a ONG Santuário de Elefantes do Brasil, na Chapada dos Guimarães, para chamar a atenção sobre a situação precária desses animais na América do Sul. “O problema dos elefantes atualmente não está no radar das pessoas. No mundo, a cada 15 minutos, um elefante é morto pelo marfim; no Brasil, muitos ainda vivem aprisionados. O objetivo desta ação é duplo: dar visibilidade para esta causa e apoiar o Santuário”, diz Theo Leal, gerente de marketing da Distell, dona do licor, na América Latina. Ao final da exposição, as sete esculturas serão leiloadas no dia 6 de dezembro no Copacabana Palace, e o dinheiro arrecadado vai para o Santuário.


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 11:47

“Nós, cariocas, estamos cada vez mais acuados, intimidados. A gente vai se acovardando cada vez mais. Isso seria solução paliativa, remendos e sem resolver o problema principal. Acho que todo mundo tem de se unir para tentar uma solução. Isso é uma incivilidade, querer remediar um problema com outro”.

 

De Glória Maria sobre a razão da mudança de endereço da Escola Parque, na Gávea, que seria a violência pela proximidade com a Rocinha. 


Enviado por: Redação
01/11/2018 - 11:40

Orquestra da Maré: concerto em homenagem ao Dia de Finados

Orquestra Maré do Amanhã faz apresentação no Crematório e Cemitério da Penitência, no Caju, nesta sexta-feira (02/11) /Foto: Divulgação

Depois da bênção de Dom Orani Tempesta, arcebispo do Rio, a Orquestra da Maré do Amanhã vai fazer um concerto no Crematório e Cemitério da Penitência, no Caju, nesta sexta-feira (02/11), Dia de Finados. Outra novidade é um o lançamento da campanha “Pelo que você é grato”, com a instalação de um grande painel para que os visitantes possam escrever mensagens aos que já foram. No cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, também na sexta-feira (02/11), será inaugurado o Monumento em Memória dos Policiais, obra dos artistas Alberto Martignoni e Rodrigo Camacho, com salva de tiros e manifesto em memória aos policiais mortos em ação no Rio, e concerto “Pátria Amada Paz”, com músicas de Milton Nascimento, Ivan Lins e Michael Jackson.


Enviado por: Redação

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline