demolicao-b

A Secretaria Municipal de Conservação e Meio Ambiente (Seconserma) e agentes da Superintendência da Zona Sul demoliram uma construção irregular em cima do gramado tombado projetado por Burle Marx, na Lagoa /Foto: Reprodução Superintendência da Zona Sul

A Secretaria Municipal de Conservação e Meio Ambiente (Seconserma) e agentes da Superintendência da Zona Sul demoliram, nesta quarta-feira (18/04), uma construção irregular que havia sido feita em cima do gramado criado pelo paisagista Burle Marx, na Lagoa, próximo ao Corte do Cantagalo, área tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O concreto que cobriu a grama ocupava 38 metros quadrados, e seria usada pela empresa Interbikes para construir um ponto de aluguel de bicicletas e triciclos. “É inaceitável a descaracterização do gramado. Vamos intimar os responsáveis para que recuperem a área verde destruída. É um absurdo enorme. A prefeitura não vai compactuar com esse tipo de irregularidade”, diz Marcelo Maywald, superintendente da Zona Sul. A Secretaria Municipal de Conservação e Meio Ambiente vai multar a empresa em R$ 5 mil. Toda a orla da Lagoa é tombada pelo Iphan.

Share
Enviado por: Redação

Os comentários estão fechados.