foto3

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

No alto, o congá do Quilombo São José da Serra; acima, uma festa com danças tradicionais – o quilombo fica em Valença, a 20 minutos de Conservatória, no Sul do Estado do Rio / Fotos: Davy Alexandrisky

Uma roda de jongo e uma conversa com quilombolas, conduzida pela professora Elaine Monteiro, da UFF, vai abrir, sexta (23/06), às 19h, no Espaço Furnas, a exposição de fotos “Quilindo Quilombo”. As imagens foram feitas pelo fotógrafo e produtor cultural Davy Alexandrisky, que passou três meses no Quilombo São José da Serra, em Santa Isabel, Valença, em 2010, num projeto apoiado pela FUNARTE.

Davy coordenava uma iniciativa do Ministério da Cultura, o programa “Conexões Ponto a Ponto” e, quando visitou o quilombo, os moradores pediram ajuda para abrir e usar um equipamento de gravação, que eles não sabiam mexer. A partir daí surgiu a ideia de dar oficinas de foto e filmagem, e, paralelo a elas, Davy registrou suas fotos. Os quilombolas de São José da Serra preservam a tradição africana, mas não estão isolados do mundo: eles têm TV, antena parabólica, internet e celulares. Com a mostra, Alexandrisky começa a comemorar seus 50 anos de fotografia.

Share
Enviado por: Marcia Bahia

1 comentário para "Exposição vai mostrar quilombo do Rio, que guarda tradições africanas"

  1. 20/06/2017 - 12:26 Enviado por: Yone M.Kegler

    Sou amiga dos moradores do Quilombo São José da Serrinha, ha muitos anos,desde quando tive casa em Conservatória! São uma comunidade que vive longe da cidade, no alto de um morro lindo, com uma vista magnífica!Muito pobres, mas trabalhadores, honestos e de um coração grandioso! A Matriarca, Mãe Terezinha, é minha mãe, e lá tenho primos, irmãos, tios e sobrinhos! Sempre os ajudei muito e ainda os ajudo no que posso! Precisam de muita coisa.Agora mesmo estou fazendo uma campanha, na região, pra conseguir 7 portas e 6 janelas, pra terminar a construção da casinha da filha de Mãe Terezinha.. Paraabéns pela iniciativa. A foto é do espaço onde Religioso, mantido desde os Escravos, onde se realizam as Seções espiritas do Camdomblé. De terra batida, como ainda algumas casas, desde o tempo dos escravos..

Deixe um comentário