festivaldorio-5855

festivaldorio-5942

colagem-sem-titulo

festivaldorio-16

Na primeira, Zezé Motta e Geraldo Carneiro; na segunda, Monica Iozzi e Murilo Rosa; na terceira, o diretor Fellipe Barbosa, ao lado, a atriz Juliana Alves; na quarta Lua Blanco e Leandro Soares / Fotos: Patrick Szymshek/R2; Christian Rodrigues/R2

Depois de participar do 21º Festival do Cinema Brasileiro em Miami, “A Comédia Divina”, o novo longa de Toni Venturi, ganhou sessão de gala no sexto dia de Festival do Rio, nessa quarta-feira (11/10), no Estação Net Botafogo 1. A equipe estava em peso por lá – Murilo Rosa, Monica Iozzi, Zezé Motta, Dalton Vigh, Thiago Mendonça e Juliana Alves em sua primeira aparição depois do nascimento da filha, Yolanda. Venturi não perdeu tempo e fez o seu protesto: usou uma camiseta com a frase “Censura Nunca Mais”, para lembrar do momento atual em que grupos conservadores vem tentando calar o movimento artístico e pediu para o público assistir ao filme de mente aberta.

Outra sessão do dia foi a de “Gabriel e a Montanha“, no Cine Odeon Net Claro. Estava lotado, com o diretor Fellipe Barbosa e elenco. O longa, que conta a história de um jovem que decide passar um ano viajando pelo mundo antes de entrar na universidade.

Pra quem ainda não foi a nenhuma das programações do Festival do Rio, melhor correr – o evento termina neste domingo (15/10).

Share
Enviado por: Redação

Deixe um comentário