O Rio é uma cidade mijada; o cheiro de xixi toma conta da cidade carioca

Como é mais do que sabido, as ruas do Rio viraram um grande banheiro. O otorrino Jair de Castro, considerado um dos melhores da cidade, fala sobre os problemas que podem aparecer para quem fica algum tempo exposto ao “bafo” surgido do xixi: “Todo cheiro desagradável, que emite substâncias químicas e, portanto, tem impurezas, pode levar a irritação das mucosas, para quem fica inalando aquele odor. E pode até desencadear um processo inflamatório ou uma rinite”.

Durante os desfiles dos mais de 500 blocos que participam do carnaval carioca (todo ano aumenta), em muitos bairros fica difícil respirar, atingindo até moradores de andares baixos. O assunto cresce na mesma proporção do número de foliões, que é inversamente proporcional ao de banheiros químicos. Além da absoluta falta de educação, todo o resto deve ser resolvido pela Prefeitura, que há de encontrar uma solução para o problema, já que estimula gente de mais para seguir os blocos, sem preparação pra isso.

Talvez seja boa essa chuvinha; assim, pelo menos dois pontos positivos acontecem: acalma os ânimos dos mais esquentadinhos e ajuda a aliviar o cheiro da ‘cidade urinada’. Imagina com sol a pino batendo e o cheiro subindo? Muitos foliões saem da Zona Norte para mijar na Zona Sul, transformando tudo numa zona só, o que não tira a responsabilidade dos moradores do Leblon, Ipanema, Flamengo, Jardim Botânico, Copacabana etc, que fazem a mesma coisa.

Quem quiser que passe no Baixo Gávea nesse domingo (06/03) ou nesta segunda-feira (07/03) – é apenas um exemplo por ser um lugar muito tradicional, frequentado por artistas, boêmios, turistas e “modernos” em geral. Praticamente, a cidade toda está na mesma situação.

Share
Enviado por: Lu Lacerda

73 comentários para "Rio: a cidade mais mijada do Brasil"

  1. 08/03/2011 - 07:40 Enviado por: carlos

    Lú Lacerda escreveu : “…O QUE NÃO TIRA A RESPONSABILIDADE DOS MORADORES DO LEBLON, IPANEMA,…QUE FAZEM A MESMA COISA”. Da mesma forma, pegunto: onde a Lú mentiu ao dizer que pessoas da zona norte urinam nas ruas da zona sul, em grandes eventos? Por acaso não o fazem? Portanto são impertinentes TODAS as críticas aqui postadas quanto a ser preconceituosa ou segregadora. Estão se apegando em pequeno trecho do escrito, para crucificar a jornalista. O povo carioca, salvo exceções, assim como alguns outros, NÃO tem educação mesmo e não é só pelo tema acima. Não tem educação no trânsito (avança sinal vermelho, etc), joga o lixo pela rua, no terreno vazio do vizinho, etc, etc. Vejo que a Prefeitura está tentando fazer a sua parte, mas devido ao volume de pessoas nos eventos, não é fácil deduzir a grande dificuldade; espero que continuem se aprimorando com limpesa seguida aos blocos, punição com multa e outras punições, afim de minimizar esses e outros problemas. Argumentos de que outros (baianos etc), além dos cariocas, tambem o fazem, NÃO justifica que façamos tambem. Os moradores da zona sul tem direito de reclamar sim. Aí cabe: “pimenta nos olhos dos outros é refresco”, pois são eles que tem que suportar o mau cheiro. Assim como teriam direito de reclamar os moradores da zona norte. Duvido que o dono (em sã consciência) de um imóvel, faça xixi em seu próprio muro. Mas se for no muro dos outros, longe de sua casa…
    ATENÇÂO, já vou avisando, não moro na zona sul; não sou segregacionista; defeitos todos temos e precisamos melhorar, sempre, na educação, na instrução, na igualdade de diretos e deveres, na política, na economia, etc.

  2. 08/03/2011 - 07:51 Enviado por: Eu

    Ô dona Lu, voce quer é aparecer. Deveria ir para paris com a sua amiguinha e ver que lá as proprias pessoas já não são muito higienicas(pessoalmente). Carnaval é a maior festa popúlar do planeta onde nunca vai ter banheiro suficiente para a população. BAHIA é uma vergonha em matéria de sujeira durante todo o ano, o Aldo tem razão. E não esqueça de botar fraldinha no seu cãozinho quando passear nas ruas de sua zona sul.

  3. 08/03/2011 - 08:04 Enviado por: andre

    È carnaval, vamos mijarrr, todo mundo mijando no rio de janeiro e bahia riariairairiaira, o que mais esperar do carnaval onde todos bebem bastante, melhor do que bostaaa.

  4. 08/03/2011 - 08:09 Enviado por: jose roberto

    PÃO E CIRCO.
    Não mudou quase nada desde a Roma antiga. Os ricos nos camarotes enquanto o povo doutrinado e ludribiado pela midia aviltando, nas calçadas aplaudem a encenação de uma festa de falsa alegria regada a muito alcool, drogas, sexo e a extravazão da emoção primitiva. Isso não é civilização e sim a dispersão dos esforços humanos. A energia gerada psiquica é dantesca.
    A humanidade ainda não aprendeu as lições mais elementares da verdadeira vivencia, confunde essa vergonha de libertinagem e explosão dos sentidos com liberdade. A cidade mixada, suja, acordará na proxima semana fazendo de conta que está tudo bem, enquanto os magnatas da administração pública deitam e rolam com o dinheiro dos impostos, mas nas ruas e casas reina a miséria e sub qualidade de vida com roubos e assassinatos a toda.
    Brasil, pelo amor de Deus esta na hora de acordar.

  5. 08/03/2011 - 08:40 Enviado por: Serg

    Xi, ato falho deixou escapar uma pontinha de arrogância hein? Mesmo tentando disfarçar no final, ao citar bairros “nobres”.

    Apesar disso, não deixa de ser uma falta de educação generalizada, típica do brasileiro. A partir do momento em que são instalados banheiros químicos, acabou a desculpa.

    Uma população inteligente, que depende do turismo, deveria saber que turista que vai embora falando que a cidade tem cheiro de xixi não deve pegar bem…

  6. 08/03/2011 - 09:14 Enviado por: Cesar Augusto Molenda

    O RIO DE JANEIRO É A UNICA CIDADE QUE NÃO TEM BANHEIRO PUBLICO, POR ISSO QUE COPACABANA FEDE A MIJO O ANO INTEIRO

  7. 08/03/2011 - 09:37 Enviado por: Cátia

    Lu já fostes a Paris?, Se já foi, devia calar-se, lá todos urinam onde estiver, pode ser homens ou mulheres, eles fazem xixí na rua e na pesença de todos, e o mais absurdo, muitos fazem isso segurando pães, na França o pão não é embalado, ele é transportado sem embalagens.
    Não seja local. seja global.

  8. 08/03/2011 - 09:59 Enviado por: Lu Lacerda

    caro paulo viveiros,
    achei o seu comentario pejorativo no que diz respeito aos colunistas, mas pela minha parte, aprovaria. só nao vou faze-lo por vc ter citado outra pessoa.
    lu.

  9. 08/03/2011 - 10:03 Enviado por: Elvis

    E o pior é encontrar nos comentários pessoas que tentam defender o ato ou a cidade por meio de falácias.
    Gente, é simples. O comentário foi feito por alguém que ESTÁ no RDJ. Em São Paulo, temos os mesmos problemas, como em todas as capitais.
    Dizer que é simplesmente problema dos governantes é ser patrimonialista.
    Problema é de cada um de nós, dos políticos, das leis, ou seja, de TODOS!

  10. 08/03/2011 - 10:04 Enviado por: Nivaldo Silva

    Não vamos perder o “foco” principal da questão… sei que o assunto é importante… apenas colocado de forma que ofendeu muitos e que muitos estão ofendendo outros tantos. Olhem pelo lado “biológico”… todos urinam e a maioria em menos de 4 horas (se tomar cerveja então… em bem menos tempo… rsrsrsrs). Raciocínio lógico (qualquer analfabeto ou de menor instrução e até mesmo para quem já foi agraciado com honrarias na Academia Brasileira de Letras – o LULA – sabe) da questão: quem sai de casa a vai passar o dia completo fora, em algum momento e lugar vai ter que urinar… então onde estão os “pensadores” dos problemas lógicos do povo, aqueles  que elegemos para o bem de todos.Vc já ficou “apertado” e não ter para onde ir (falta de banheiros públicos) e que infelizmente a saída e “resolver” de qualquer maneira?Em muitas cidades (inclusive capitais… Campo Grande MS, por exemplo… o pequeno banheiro  público da praça central foi fechado… sabe porquê…  o inteligente do Prefeito achou ruim de que alguns baderneiros sujarem o banheiro e decidiu que agora não vai mais oferecer banheiro pra mais ninguém… olha só a mentalidade dos nossos políticos que invés de punir os baderneiros, pune toda a população – e o prefeito de Campo Grande é médico) o problema é crítico.Vamos nos unir para resolver o problema.Tratar de assuntos relacionados com lixo sempre é evitado pelas autoridades… devido os gastos… mas para aumentar o salário deles… isso tem solução.ACORDEM INTERNAUTAS.P.S.  Quem sabe o TIRIRICA consegue aprovar alguma lei que regulamente isso, porque… PIOR QUE TÁ NÃO FICA.

  11. 08/03/2011 - 10:15 Enviado por: Sapatilha chic

    Pão e Circo.
    Viva o Jose Roberto!!!!!!!!!!!
    Existe alguém que pensa!!!!!!!!!!!
    Muito Obrigado!!!!!!!
    Vou reproduzir no meu FB.

  12. 08/03/2011 - 11:05 Enviado por: Renata

    O Rio de janeiro não é a cidade mais mijada do Brasil, Salvador é um banheiro público no carnaval…já que você é meia baina e se acha carioca da zona sul (que deve ser diferente da zona norte-kkk), venha relembrar as raizes e sentir o cheirinho das ruas aqui.
    Mas veja só, nós mulheres esperamos até o último minuto para urinar e a grande maioria vai em banheiros quimicos, Agora homens!!!!!!!!!!!!! respeitem mais os locais, em qualquer lugar vcs colocam o pintinho de fora e mandam ver, entao cara Lu, ao inves de você segregar por classe social poderia SEGREGAR POR SEXO. Todos nós sabemos com que cabeça os homens pensam!!!

  13. 08/03/2011 - 11:16 Enviado por: ivo

    Alguém me conte uma novidade, essa cidade é imunda o tempo todo, fede a xixi o ano todo, e seguramente aós o carnaval é que vão passar uma aguinha, depois tome xixi…..

  14. 08/03/2011 - 11:18 Enviado por: Ailton

    Melhor mijar nas ruas em dias de carnaval que abrir fogo com metralhadoras contra o povo, como voces cariocas fazem o ano inteiro,

  15. 08/03/2011 - 11:30 Enviado por: Ailton

    Renata

    Aqui em Salvador, vem proximo a três milhões de turistas só no carnaval e com eles também vem CARIOCAS MAL EDUCADOS, acham que ainda estão no Rio.

    O problema é não lavar, aqui pelo menos usam 200 caminhões tanques com produtos desinfetantes para lavar as ruas, assim que chega a madrugado elas são lavadas e no seu lindo e mal cheiroso Rio, nunca lavam, deixam tudo por dias até o carnaval acabar, dai a fedentina desgraçada.

  16. 08/03/2011 - 11:42 Enviado por: Ailton

    Enquanto o rio para com despeito da Bahia, a Bahia cresce sem dar bolas ao Rio.

    Cariocas sejam voces mesmos, voces vivem em funçãoda Bahia, meus caros nós estamos a contruir um estado, um grande estado, para seu conhecimento nosso PIB cresceu 10,08%a.a e do Rio apenas 2,78%a.a e o pobre São Paulo, que foi tão ajudado em epocas passados, dinheiro que eram destinados a outros Estados foram todos para lá. agora crescem apenas 1,89%a.a uma vergonha, a Bahia ficou em segundo no Ranking mundial, só abaixo da China que cresceu um PIB de 11,9% por isso voces ficam ai a dizer que somo preguiçosos, para espantar as indústrias que não param de chegar, meus caros os industriais sabemn quem somos e como trabalhamos, podem difamar que ninguém ouve.

  17. 08/03/2011 - 20:48 Enviado por: Cátia

    Renata
    Mulher só mijar em sanitários publicos só se for ai na sua cidade, hoje, tanto no Rio como em Salvador ou Recife as mulheres foliãs do carnaval se desapertam nas ruas mesmo, cansei de ver muitas ir no catinho dos muros, afastar o shortinho ou saia para ‘mandar ver’. elas nem ligam para os homens que estão por ali tambem fazendo o seu xixi

  18. 09/03/2011 - 14:27 Enviado por: Lizandra

    Só faltou falar que os banheiros são poucos e os que tem são imundos. Esse prefeito posa de herói falando que aumentou os blocos. Ele perde voto com isso, porque ninguem pode sair de casa. Se ele aparecesse em ipanema ontem, nem sei o que aconteceria.

  19. 12/03/2011 - 17:39 Enviado por: Fantomex

    MIJÕES EXISTEM ONDE EXISTE FESTA DE RUA, EM QUALQUER LUGAR. NO RIO/BAHIA NÃO SERIA DIFERENTE. ALÉM DO QUE A MAIORIA DOS MIJÕES SÃO DE ORIGEM PAULISTA E ESTRANGEIRA.
    PROVA DISSO É QUE NO SWU EM SP UMA PORRADA MIJAVA EM QUALQUER CANTO ENQUANTO OS BANHEIROS QUÍMICOS FICAVAM VAZIOS.

  20. 24/03/2011 - 07:52 Enviado por: ian

    NÃO TEM LUGAR PRA MIJAR NO RIO. TEM 1 BANHEIRO PUBLICO A CADA 5KM. E PRA USA O MALDITO BANHEIRO PUBLICO VC TEM QUE PAGAR 1,50 E AINDA ESPERAR UMA FILA GIGANTESCA VAI SE FERRA MIJO NO MAR E NA RUA MSM

  21. 26/04/2011 - 21:58 Enviado por: Quickest Way To Lose Weight

    He leído algunas cosas buenas aquí. Definitivamente vale la pena volverla a visitar. Me pregunto cuánto esfuerzo se necesita para hacer un sitio informativo excepcional.

  22. 09/09/2011 - 22:18 Enviado por: Ivan-S.Paulo

    Tem um palhaço ai com o nojento nome de FANTOMEX que é desnecessario dizer a origem,que disse que a maioria dos mijões que emporcalham a cidade do Rio de Janeiro é paulista ou estrangeiro,que fique sabendo este palhaço que nos paulistas natos não fazemos isto na cidade de ninguem,porem aqui em S.Paulo há muitos procedentes de varias partes deste pais ,que detonam a nossa querida cidade,os quais tb é desnecessario dizer a origem.

  23. 09/09/2011 - 22:40 Enviado por: Ivan-S.Paulo

    Sou paulista,e definitivamente odeio pessoas que fazem isto nas ruas,sejam no Rio,Salvador,Londres ou Paris,á algum tempo atras estive na Bahia,e fiquei assustado quando um jovem local tirou a genitalia p/ fora,e fez sua necessidade diante de minha esposa,e filhos,não preocupou-se pelo menos de encontrar um local mais escondido.Alem de emporcalhar o lugar o sujeito não demonstra o minimo de respeito a ninguem.