09/11/2017 - 20:00

Moda, por Bebel Schmidt: alfaiataria em alta

colagem-coluna-bebel

Alfaiataria bem feita é uma peça fundamental no armário. Presente em todas as estações e temporadas de moda, é usada muitas vezes como terceira peça na produção (no caso de blazers e coletes).

Quando falamos de alfaiataria, que são peças feitas com tecidos mais encorpados, normalmente nos remete a peças sob medida, feitas por alfaiates. Hoje podemos encontrar em muitas lojas e tem diferencial de corte, tecido e acabamento, dentre ser saias, coletes, blazer, shorts e calças.

Agora, para a próxima estação, a alfaiataria vem como estrela da temporada. Não só para o nosso verão, mas também para o próximo inverno.

A pergunta que todos fazem: blazer no verão brasileiro? Sim! Moramos num país tropical e no verão todos os lugares tem ar condicionado, saímos de alcinha mas com uma terceira peça para não sentir frio.

Calças, blazers e coletes bem cortados nunca saem de moda, o investimento vale a pena.

Dica: alfaiataria bem cortada usada com camiseta quebra a produção e fica super estiloso!

Veja, nas fotos, algumas produções para nos inspirar…

tarja.bebelschmidt


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 18:30

‘Clipe-manifesto’ lançado por Preta Gil já tem 60 mil visualizações

Preta Gil: cantora lança clipe-manifesto contra os 'haters' na Internet e faz sucesso /Foto: Reprodução

Preta Gil: cantora lança clipe-manifesto contra os ‘haters’ na Internet e faz sucesso /Foto: Reprodução

Preta Gil é a voz de muitas lutas no país. A cantora, que comemora 15 anos de carreira, lançou o clipe “Vá se Benzer”, em parceria com Gal Costa, na manhã desta quinta-feira (09/11) e mais tarde pelo Multishow, e já tem mais de 62 mil visualizações no YouTube – até o fim da redação desta nota. A música faz parte do CD “Todas as cores”, lançado em outubro. Com pegada de axé e letra forte, o clipe é um manifesto contra o discurso de ódio na internet pelos ‘haters’ – no vídeo, pessoas idades, etnias, corpos e orientações sexuais diferentes aparecem misturados com roupas, tintas douradas e apontando dedos. Como forma de divulgação, ela expôs os comentários ofensivos que recebia nas redes sociais com a hashtag #vasebenzer. O clipe foi lançado durante o programa “Encontro com Fátima Bernardes”. “Não tenho problema porque me acho linda e maravilhosa, mas fico com pena de quem se dá a esse trabalho, são pessoas infelizes”, declarou.


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 17:00

Danuza Leão: o “enfermeiro” que muitas queriam ter

Danuza Leão: jornalista, atropelada por uma mala de rodinhas em Paris, tem curativos trocados pelo cirurgião plástico Paulo Müller / Fotos: acervo do site/ Paulo Jabur

Danuza Leão: jornalista, atropelada por uma mala de rodinhas em Paris, tem curativos trocados pelo cirurgião plástico Paulo Müller / Fotos: acervo do site/ Paulo Jabur

Danuza Leão foi atropelada pela mala de rodinhas de um francês esbaforido, nessa sua última estada em Paris. Depois de 10 dias de perna pra cima, no seu hotel habitual em Saint-German, voltou recentemente pra casa, em Ipanema. Sabe quem anda trocando os curativos do joelho machucado? Aquilo que qualquer enfermeiro faria muito bem? Um cirurgião que muita gente adoraria abrir os olhinhos no centro cirúrgico e dar de cara com ele: Paulo Müller – um dos maiores nomes da cirurgia plástica. Sim, é uma prova de amizade! Que tal?


Enviado por: Lu Lacerda
09/11/2017 - 16:30

Joaquim Monteiro de Carvalho recebe a Medalha Tiradentes

2017-11-09-photo-00000171

image

No alto, o deputado Carlos Osório, o empresário Sérgio Alberto e Joaquim Monteiro de Carvalho. Nesta foto, Joaquim com a mulher, Bia Bottesi, e a mãe Claudia com o neto Francisco / Fotos: acervo pessoal

Joaquim Monteiro de Carvalho recebeu a Medalha Tiradentes (a mais alta condecoração da Assembleia Legislativa do Rio), nessa quarta-feira (08/11), no Real Gabinete Português, só com a presença da família (o pai, Sérgio Alberto, a mãe, Cláudia, a mulher, Bia Bottesi, e o filho, Francisco) e, claro, do autor da ideia, o deputado estadual Carlos Osório (PSDB-RJ). Ou seja, tudo discreto e sem protocolo, como Joaquim prefere. “Trabalhar no setor público foi uma experiência extremamente enriquecedora que quero levar para o resto da minha vida”, disse o homenageado.


Enviado por: Lu Lacerda
09/11/2017 - 16:00

Evento Digital Music Experience foi um sucesso

miles-cooley

"DMX": acima, o advogado Miles Cooley durante bate-papo; e Claudia Romano ao lado de Marco Mazzola, Andreas Kisser e Silvio Essinger /Fotos: Divulgação

“DMX”: acima, o advogado Miles Cooley durante bate-papo; e Claudia Romano ao lado de Marco Mazzola, Andreas Kisser e Silvio Essinger /Fotos: Divulgação

Foi um sucesso a 3ª edição do Digital Music Experience (DMX), que terminou nessa quarta-feira (08/10), na Universidade Estácio de Sá, na Barra. Uma das ‘conferências’ mais esperadas era a de Miles Cooley – advogado de artistas como Rihanna, Jay-Z, 50 cent e Lenny Kravitz – sobre direito autoral com as plataformas digitais. “É possível que os serviços de streaming (como o Spotify) assumam o controle de todas as etapas da indústria musical e passem a exercer o papel das gravadoras, controlando a produção, promoção e distribuição. Mas não acredito da extinção delas, porque qualquer artista pode colocar suas músicas na internet, mas elas têm que ser ouvidas, conhecidas. Para isso, o marketing e as rádios ainda são essenciais. Quem disse que alguma plataforma de streaming não pode se unir a uma gravadora algum dia?”, disse Miles durante o DMX.

Além dele, Stephen Witt, jornalista americano autor de “Como a Música Ficou Grátis”, um dos livros mais comentados pela indústria nos últimos anos, também fez sucesso num dos painéis, contando sobre os bastidores de seu trabalho investigativo da pirataria. Além de conversas com Wanessa Camargo, Andreas Kisser (da banda Sepultura), KondZilla, do maior canal do Brasil no YouTube, com mais de 9 bilhões de views; com cantor e empresário Soracaba; e o funkeiro MC Guimê. Por fim, Claudia Romano, vice-presidente de Relações Institucionais e Sustentabilidade da faculdade, foi surpreendida com uma homenagem. “Apoiar a cultura por meio de projetos como o DMX foi o encaixe perfeito com tudo que acreditamos”, disse ela.


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 15:30

Centro Cultural Correios: duas novas exposições para os cariocas

ednor-medeiros-marilou-winograd-e-mario-camargo

eneas-valle-e-bb-schmitt

daisy-nogueira-e-laura-bonfa-burnier

bia-sampaio-e-ze-macdowell

antoine-e-michaela-de-charbonnieres

Na primeira foto, Ednor Medeiros, Marilou Winograd e Mario Camargo; na segunda, Enéas Valle e BB Schmitt; na terceira, Daisy Nogueira e Laura Bonfá Burnier; na quarta, Bia Sampaio e Zé MacDowell; na quinta, Antoine e Michaela de Charbonnieres / Fotos: Marco Rodrigues

Duas exposições foram abertas no Centro Cultural Correios, nessa quarta-feira (08/11): “A obra como espelho”, com curadoria de Ruy Sampaio, comemora 20 anos de carreira de Marilou Winograd. “Assim como Lewis Caroll em “Alice no País das Maravilhas”, pretendo levar o visitante para o outro lado do espelho”, diz a artista. Na mostra, instalações de 3m de altura por 6m de largura, que, no total, ocupam 650m², divididos em três salões. A outra, “Memória e Transformação”, reúne 17 trabalhos do artista Mário Camargo. Nesta, o objetivo é passar aos visitantes a importância do tempo como grande transformador de tudo. Ambas as mostras ficam em cartaz até o dia 7 de janeiro. Veja, acima, fotos de quem passou por lá.


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 15:14

O cineasta Cacá Diegues lança, nesta quinta (09/11), o livro “Todo domingo“, coletânea dos seus artigos escritos entre 2010 e este ano para O Globo, às 19h, na Travessa de Ipanema. A editora é a Cobogó e a coordenação de Rodrigo Fonseca.


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 14:20

É intensa a programação da Feira das Periferias no Vidigal

Flup: o rapper americano Saul Williams é uma das atrações do festival /Foto: Reprodução

Flup: o rapper americano Saul Williams é uma das atrações da feira neste fim de semana /Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (10/11), começa a 6ª edição da “Festa Literária das Periferias”, a Flup 2017, no galpão da ONG Horizonte, no Morro do Vidigal. O evento vai homenagear o dramaturgo, ativista e ator Oduvaldo Vianna Filho, incluindo a tradicional revoada de balões contendo os papeizinhos escritos com frases do homenageado pelos céus da cidade. A lista de atrações e atividades é longa até o dia 15. Na abertura, performances de atores do Nós do Morro inspiradas na biografia de Vianinha, também tema da conferência guiada pelo cineasta Cacá Diegues, que trabalhou com Odulvaldo em “Cinco Vezes Favela”. A Flup vai receber 40 escritores nacionais e estrangeiros para discutir, em dez mesas, temas relacionados ao racismo, redes sociais, questões de gênero e descobertas científicas.

Entre os convidados, estão a militante feminista e antirracista francesa Françoise Vergès, a filósofa e ativista Djamila Ribeiro, os rappers GOG e Saul Williams, além do sociólogo Paolo Gerbaudo, referência em estudos sobre populismo e redes sociais, o pensador da “queer culture” Sam Bourcier, o cineasta francês Laurent Cantet e outros. Além das mesas e debates, a Flup ainda apresenta ações artísticas com Vik Muniz e o francês J.R. (o amigo de Madonna que a levou ao Morro da Providência para ver a escultura da Lua), além da pré-estreia do filme “SLAM — Voz de Levante”, dirigido por Tatiana Lohman e Roberta Estrela d’Alva, que conquistou o prêmio de melhor documentário na última edição do Festival do Rio. Ainda como atrações Renato Aragão, o Didi, que falará sobre a sua biografia, escrita pelo jornalista Rodrigo Fonseca


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 13:45

Gisele Taranto: Rio dos arquitetos

pj125-maneco-quindere-gisele-taranto

pj128-ronaldo-barbosa-vandinha-klabin

pj108-claudio-lobato-mabel-graham-bell

pj064-gisele-taranto-jorge-delmas

Na primeira foto, Maneco Quinderé e Gisele Taranto; na segunda, Ronaldo Barbosa e Vanda Klabin; na terceira, Cláudio Lobato e Mabel Graham Bell; na quarta, Gisele Taranto e Jorge Delmas / Fotos: Paulo Jabur

A arquiteta Gisele Taranto lançou, nessa quarta-feira (08/11), um livro com trabalhos feitos por ela nos últimos anos. Entre casas, apartamentos, edifícios e mostras de decoração, as 288 páginas contam um pouco da história profissional de Gisele. “A cada projeto me vejo desafiada a entregar não apenas o que o cliente deseja mas também aquelas que eu acredito serem as melhores características da arquitetura contemporânea que pratico”, diz. Todo mundo sabe que arquiteto bom no Rio é tão comum quanto mulher gostosa na praia. É ou não é?


Enviado por: Redação
09/11/2017 - 13:00

Beleza, barriga sarada e projetos incríveis reunidos no Leblon

Foto de:

A barriga sarada da Andrea Santa Rosa (mãe de quatro filhos), a magreza e a beleza de Maria e Antonia Frering, os projetos bacanas de Gringo Cardia, a aparência imutável de Ana Botafogo… Muitos desses cariocas e situações passaram pelos corredores do Shopping Leblon, nessa quarta-feira (08/11), para mais um lançamento da edição de novembro da revista Vogue. Aconteceu uma série de eventos nas lojas, desfiles, exposição de fotos em homenagem ao Rio, seguido de coquetel no Gero Trattoria. A revista ainda promove palestras nos dias 9 e 10, na Casa do Saber, com Gringo Cardia, Luiz Gabriel Tiago e Oskar Metsavaht.


Enviado por: Redação
Página 1 de 212